Publicidade
Publicidade

Uma jovem mãe compartilhou um vídeo doloroso dos últimos momentos que passou com o filho, um bebê [VIDEO]recém-nascido, antes que ela o entregasse para #Adoção. Ela explica sua decisão dolorosa de entregar a criança, apenas 48 horas depois de ela nascer. No vídeo, Hannah Mongie mostra o momento em que entrega o filho para sua nova mãe, dando, assim, uma chance do pequeno Taggart ganhar uma família, com pai e mãe. No entanto, ela conta como foi tudo mais difícil, por ela se ter afeiçoado tanto ao bebê.

Hannah Mongie tinha 18 anos quando ficou grávida inesperadamente. Ela namorava somente há oito semanas com Kaden Whitney, quando engravidou e sua vida mudou completamente.

Publicidade

No entanto, o pior estava ainda por acontecer. Hannah e Kaden entraram em pânico quando descobriram a gravidez, uma vez que eles não se sentiam preparados para ser pais. Eles gostavam um do outro, mas não queriam ainda ser pais, até porque estavam junto há pouco tempo.

Por isso, o casal estava discutindo a possibilidade de deixarem o bebê para adoção. No entanto, o pior aconteceu quando Kaden, um jovem missionário religioso, morreu durante o sono. Hannah nem queria acreditar quando a mãe do namorado lhe contou o que havia acontecido, quando ela estava no segundo mês de gestação.

Sem saber o que fazer, ela conta agora que passou semanas chorando e sem sair da cama. Hannah ainda pensou em aborto, mas sentia que não podia fazer isso com Kaden. Porém, ela também sabia que o bebê sempre iria lhe recordar o namorado e pensava ainda que não teria condições para criar bem esse menino.

Publicidade

Foi aí que a possibilidade de dar o bebê se tornou cada vez mais uma hipótese. Ela sentia que era o melhor para o bebê ter um pai e uma mãe, uma decisão que se revelou muito difícil de cumprir na verdade. Durante a gravidez e as primeiras horas após o parto [VIDEO], a mãe se ligou muito ao bebê.

Depois do nascimento, Hannah teve preciosas 48 horas com o filho Taggart antes de entregá-lo aos seus novos pais, Brad e Emily Marsh. Ela usou o tempo para filmar um vídeo emocional para o menino, explicando os motivos por trás de sua decisão dolorosa. Assim, quando Tag crescer, ele vai poder entender melhor que sua mãe biológica o entregou para adoção, não por não o amar, mas, sim, por achar que isso seria o melhor para ele.

No clipe de 9 minutos, ela diz, em lágrimas: "Se eu não te amasse, eu não estaria nessa posição e você não teria essa família incrível. Eu vou te dar todos os beijos que posso antes de entregar você para Brad e Emily. Eu amo você Taggart Cayden Marsh. Meu garotinho. Meu filho.

Publicidade

Eu te amo tanto."

Entretanto, Hannah conseguiu um acordo de adoção mais aberto com os novos pais de Taggart e ela consegue passar algum tempo com ele. O bebê Taggart tem agora 22 meses de idade e Hannah faz parte de sua vida, graças ao acordo entre as famílias. Assim, ela consegue passar tempo com o menino com seus dois irmãos Carter, de 3 anos, e Lucas, de 1 mês. A emocionante história foi revelada nessa quinta-feira pelo jornal britânico Daily Mail.

Veja o vídeo de Hannah se despedindo do bebê:

#Bebê #Relacionamento