Hoje o Brasil amanheceu com uma notícia que causou bastante polêmica nos bastidores da política brasileira. Ronaldo , um dos melhores jogadores do Brasil , no passado cheio de glórias , declarou que não apoiará em tempo algum a atual presidente do Brasil nas próximas eleições , Dilma Roussef ,nem membros de seu partido o PT. Essa declaração causou furor no candidato adversário Aécio Neves ,pois o mesmo disse com todas as letras que o apoiará. Essa mudança repentina tem como causa , dentro outras, a impopularidade das pessoas que estão envolvidas nos preparativos da Copa do Mundo que será realizada em breve no Brasil , para ser mais exata no dia 12 de junho de 2014 , Dia dos Namorados no Brasil.

Publicidade
Publicidade

Pelo jeito o "namoro" entre Ronaldo e a governante atual acabou. Ronaldo declarou que nunca em tempo algum viu tanta corrupção e roubalheira nos negócios que envolve a Copa. Os gastos excessivos com as arenas que estão sendo construídas , o povo jogado às traças acendeu uma luz na consciência desse jogador , que embora considero um pouco tarde para mudar de camisa , ainda está valendo. Não sei , sinceramente se suas declarações contra os desmandes do governo atual beneficiará o candidato oposto ou até possa prejudica-lo , já que sua posição possa ser interpretada como demagoga. Bom, vamos aguardar os próximos capítulos da nossa política brasileira , que mais se assemelha a uma série dramática. A opinião de um esportista como Ronaldo , que no auge , foi exemplo para muitos brasileiros , principalmente crianças é muito importante e se tratando de não mais apoiar as pessoas da situação atual , que diga-se de passagem estagnou o Brasil em muitos sentidos nesses últimos malditos 12 anos.

Publicidade