Toda profissão, seja da mais simples a mais complexa merece um ou mais tipos de louvor. Mas dentre as várias existentes as relacionadas ao tratamento e/ou cuidar da saúde humana se pode dizer merece um destaque a mais. Ou seja, se o mérito fosse uma escada onde cada degrau representasse um motivo para destaque, então os profissionais da área da saúde merecem sim, um leve destaque em relação aos demais profissionais e/ou profissões. Isso porque se trata de uma área considerada de difícil complexidade em função do que devem fazer em prol da existência do ser humano, principalmente aquele que procura atendimento à recuperação e/ou manutenção da saúde em qualquer instância.

Publicidade
Publicidade

Não há como discutir o contrário, ou seja, quando uma pessoa sente algum mal em sua saúde ela procura por atendimento médico e querendo ou não de certa forma se entrega aos cuidados de quem lhe atende nos Postos de Saúde, nas Unidades de Pronto Atendimento, nos Hospitais e/ou Pronto Socorros, nas Clínicas, etc., com vistas obter a recuperação e/ou manutenção daquilo que lhe importa e/ou é importante no momento e isso não é mistério para ninguém em nenhuma parte do planeta desde os tempos de outrora.

Atender, ouvir, dispensar, promover agulhadas, cortes, costuras, faixas, medicamentos, cuidados, etc., são o que faz o tempo todo sem se importar com o que é necessário à recuperação da saúde e fazem isso desconhecendo a intensidade da dor dos que cuidam e talvez seja essa a maior e mais relevante necessidade do ser humano se diante a vida e a morte, pois nunca se sabe se a hora do ir será antes, durante o momento da procura ou depois da visita ao ambiente reservado ao cuidar da saúde, isso para quem tem a chance de ter a saúde assistida.

Publicidade

Cuidar da saúde é o que os poli-profissionais da saúde propõem por dom nato, mas se o fim da vida de quem assiste chega e lhes interrompe o labutar, o máximo que podem fazer é assistir e dar dignidade aos que pelos últimos momentos passam, seja em respeito, seja em louvor ao dom maior que toda espécie humana (♂ e/ou ♂) aspira: ter a saúde preservada e/ou recuperada.

Se couberem mil parabéns e agradecimentos, que recebam então todos os profissionais da área saúde do mundo todo, pois o dom que lhes é nato ainda é o mais procurado pelas pessoas, independendo de suas crenças, religiões, escolhas, status social, profissões, etc., pois se sabe que no fundo e nas mais profundas razões e/ou emoções da existência toda espécie é organicamente semelhante e não há como escapar de uma simples gripe à mais grave de todas as deficientes da saúde humana. Quem se arrisca dizer que é imune ao cuidar desses profissionais?