A história da fofoca remonta os tempos bíblicos e até hoje vem fazendo muita gente dita "boa" falar mal dos outros, sem antes ver se não deixou o próprio "rabo" preso em algum lugar, como o do rato na ratoeira. A fofoca toma por exemplo a velha frase "falem mal ou falem bem, mas falem de mim", e quem a inventou, certamente não se incomodava com o que os outros falavam a seu respeito, o que não se aplica a maioria das pessoas, que não gostam de ser o centro das fofocas e falatórios alheios. Sua definição é simples e deixa claro do que se trata: "Falar algo de alguém é fofoca, quando o que é dito não contribui para a solução do problema da pessoa em questão".

Publicidade
Publicidade

Na bíblia já aparecem orientações quanto à fofoca e a maldade por trás dela: "Quando somos ofendidos por alguém ou vemos que alguém vive em pecado, temos que ir a essa pessoa e não a nenhuma outra." (Mat. 18:15-16). Muitos fofoqueiros de plantão vêm logo argumentando: _ Mas o assunto é verdade, então não há mal algum em falar...Errado, verdade ou não, falar do outro para um outro e por aí em diante, não passa de simples fofoca. Tem também os conselheiros espirituais de plantão, que com prontidão emprestam seus ouvidos para as mágoas e intrigas das vidas alheias, com a desculpa de dar bons conselhos, e com a mesma prontidão, saem falando de toda a vida do pobre que lhes abriu o livro de sua vida, e ainda se vangloriam dos sábios conselhos por eles dados.

Há fofoqueiro de todo tipo.

Publicidade

Tem o bonzinho, que só quer ajudar e deixa isso bem claro para todos os amigos fofoqueiros que lhe escutam. Tem o maldoso, o pior tipo, que faz de tudo para saber de sua vida, e assim que consegue um segredinho qualquer, aumenta em muito o que escutou, e espalha logo para o primeiro que encontrar. Tem também o fofoqueiro "trenzinho", aquele que apita, mas não agita...só faz barulho, mas não sabe de nada...

É...a fofoca pega. Quando você menos percebe já faz parte de uma. O papo vem, o papo vai e você acaba por saber da vida de um e falando da vida do outro...Quem aí nunca falou, ou nunca ouviu uma fofoca que atire a primeira pedra...não vai ficar ninguém, é praticamente impossível...só se for Santo, e convenhamos, aqui na terra, os Santos já são espécie em extinção, se é que já não estão extintos de vez.

Fica aqui uma fofoca: Tem fofoqueiro por aí dizendo que não fala mal da vida de ninguém, só transmite ao próximo as novidades que aos seus ouvidos chegaram, e que só ouviram os fatos para agradar ao amigo que precisava desabafar tudo aquilo que havia ouvido sobre um coitado qualquer e não aguentava mais carregar este fardo sozinho, alguém mais tinha que saber. Aos bons samaritanos que escutam com atenção, chegou aos meus ouvidos, que fofoqueiro que fofoca sobre outro fofoqueiro tem 100 anos de perdão. E você aí, já fofocou?