Uma semana depois que Hien Tran morreu em um acidente até então considerado misterioso, a sua família recebeu em Orlando um aviso de recall da Honda para substituir o airbag do Accord Sedan. Hien que sofreu cortes no pescoço fez com que a polícia local suspeitasse de facada, mas era estranho, pois ela não apresentava nenhum ferimento nas mãos que indicasse tentativa de defesa. Com o aviso do recall, o rumo da investigação mudou e as feridas no pescoço de Tran foram atribuídas ao airbag do seu carro. Foram três cortes fundos. Um deles atingiu a traqueia. A vítima precisou de uma cirurgia de emergência. Infelizmente ela não resistiu e faleceu dia 2 de outubro de 2014.

Publicidade
Publicidade

Entenda o perigo desse airbag

No final de junho, a Administração National Highway Traffic Safety anunciou que possíveis defeitos de segurança com airbags foram a causa das lesões que levaram a mulher à morte. "Não são as lesões típicas que você vê a partir de uma bolsa de ar. Foram as partes internas do airbag rasgando-se que causaram os ferimentos," alertou o médico Dr. Jan Garavaglia. No caso de uma ruptura, fragmentos de metal poderiam passar através do material da almofada do airbag, possivelmente causando ferimentos ou morte para os ocupantes do veículo.

O recall foi a maneira encontrada para tentar minimizar os problemas que o airbag poderia causar. "A ação de hoje é influenciada por uma investigação NHTSA sobre seis relatos de rupturas de airbag, sendo que todos ocorreram na Flórida e Porto Rico", o NHTSA afirmou em um comunicado ao consumidor.

Publicidade

"Com base nos limitados dados disponíveis neste momento, o NHTSA apoia os esforços das montadoras para enfrentar o risco imediato nas áreas que têm climas quentes e úmidos durante longos períodos de tempo," completou.

O porta-voz da Honda América do Norte, Chris Martin, disse que menos de 6 milhões de veículos Honda e Acura haviam sido chamados em todo o mundo para substituir os airbags do banco da frente. Além disso, mais 2,8 milhões de proprietários de Honda em onze estados dos Estados Unidos da América foram aconselhados recentemente a visitar uma concessionária para a substituição do airbag.

Você já tinha ouvido falar em algum acidente semelhante? Conte pra gente nos comentários!