A Black Friday Brasil é a queima de estoque do e-commerce mais aguardada pelos brasileiros devido aos descontos e à proximidade das datas comemorativas de fim de ano, época em que a maioria das pessoas gasta muito. A próxima edição da Black Friday acontecerá no dia 28 de novembro e deve movimentar em torno de 1,2 bilhão de reais, segundo a E-bit.

A edição de 2012 foi marcada por reclamações relacionadas a algumas lojas que praticaram descontos maquiados, ou seja, aumentaram os valores dos produtos uma semana antes da liquidação, para então praticarem o "desconto" no dia da queima. Para combater essa prática, a partir da edição do ano passado, algumas medidas foram tomadas, como por exemplo, técnicos do Procon Carioca monitoraram alguns produtos de 15 sites que participavam da queima para verificar se os descontos estavam de acordo com as ofertas anunciadas.

Publicidade
Publicidade

No ano passado, o grupo Buscapé Company (administrador dos sites Buscapé, Lomadee, Bondfaro, QueBarato! e SaveMe) submeteu as ofertas da Black Friday a uma validação. Os sites citados só publicaram as ofertas de lojistas que mantiveram regularidade nos preços nos três meses anteriores ao evento.

Os falsos descontos não acontecem apenas no Brasil. Nos Estados Unidos, por exemplo, onde a promoção foi criada não é diferente. Segundo um estudo feito pela empresa de monitoramento de preços, Market Track, no Black Friday do ano passado, dos 1.743 produtos monitorados, os preços de um em cada cinco produtos tiveram um aumento em torno de 8% nas semanas antes da Black Friday. Entre ferramentas e brinquedos o aumento girou em torno de 23%.

A Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico criou no ano passado um Código de Ética para adesão voluntária das lojas participantes.

Publicidade

O Código estabelece que as lojas devem identificar os produtos participantes da promoção e proíbe a manipulação de preços. As lojas que prometeram seguir o código estão identificadas com o selo Black Friday Legal.

Para ajudar os consumidores antes e durante a compra, foi criado o site Blackfriday.com.br com a lista das lojas que participarão da liquidação e outras informações úteis. Os consumidores que cadastrarem o e-mail no site participarão de sorteios e receberão as ofertas antes e durante o evento, diretamente no correio eletrônico cadastrado. #Negócios