Quantos já mentiram para parecerem mais velhos no orkut há algum tempo atrás. Porém, você já ouviu algum caso sobre mentir que é mais novo para entrar em uma rede social?

Pois isso aconteceu com a Sra. Anna Stoehr, uma americana de Minnesota que tem 114 anos.

O filho mais velho de Anna, de 85 anos, comprou um iPhone de um vendedor chamado Joseph Ramireza.

O Sr. Ramireza nesta ocasião conheceu Anna Stoehr e ficou tão impressionado com ela que não hesitou ao fazer uma viagem de duas horas da cidade de Twin Cities onde mora até Plainview, em Minnesota, onde Anna vive em uma casa de repouso, a fim de ensiná-la a usar o Google, enviar e-mails, usar o Facetime da Apple e ajudá-la a inscrever-se no Facebook.

Publicidade
Publicidade

Porém qual não foi a surpresa de Anna ao perceber que não poderia registrar-se com sua idade verdadeira, pois o Facebook só registra pessoas até os 109 anos. Como Anna nasceu em 1900, ela teve que mentir sobre sua idade, colocando que tinha 109 anos, e não os 114 que ela realmente tem.

Indignada, com a ajuda de seu novo amigo Ramireza, Anna escreveu uma carta endereçada ao Facebook contando sua historia colocando como mensagem principal a frase: "Eu ainda estou aqui."

Atualmente ela já está conversando com seus parentes e amigos novos que fez no Facebook, em inglês ou alemão.

A usuária mais antiga do Facebook de que se tem notícia era a Sra. Edythe Kirchmaier, uma americana da cidade de California de 106 anos, porém agora sabemos que ela já perdeu esse título.

Pois é. Os tempos mudaram, e muito.

Publicidade

Há até bem pouco tempo atrás pessoas com cinquenta e poucos anos consideravam-se idosos. Hoje já não há mais limite para aventurar-se e isso é simplesmente fantástico.

Que isso possa servir de exemplo para que tenhamos mais ânimo e saibamos que a vida só acaba quando o fim realmente chega. Enquanto isso não acontece, vale sempre a pena aprender e entreter-se com alegria, pois nunca é tarde para cultivarmos novas amizades e novos hábitos.

Esperamos que a equipe do Facebook de Mark Zuckerberg faça essa alteração e que outros usuários com mais de 105 anos juntem-se às redes sociais, pois , parafraseando Anna Stoehr, eles ainda estão aqui e merecem todo o nosso respeito. #Terceira Idade