Julien Blanc, um conhecido americano que está mundo afora ensinando pessoas do sexo masculino a conquistarem mulheres através de técnicas nada convencionais e com workshop marcado para janeiro de 2015 no Brasil, terá problemas para entrar no país! Com técnicas declaradamente preconceituosas, o americano afirma que "Homem branco pode fazer o que quiser para conquistar." Em suas palestras ele demonstra a prática nas ruas e tem atitudes como chegar em desconhecidas por trás e sufocá-las, direcionar suas cabeças para a área de suas virilhas, entre outras coisas.

O americano já havia vindo ao Brasil em 2012 quando não era muito conhecido, mas agora, com o visto já vencido, os brasileiros estão construindo uma petição para que a Polícia Federal e o Itamaraty neguem sua entrada no país. Blanc já foi expulso de outros países, como Austrália e Reino Unido, e também de eventos.

Porque negar sua entrada?

Entre os argumentos para negar sua entrada estão que Julien Blanc é nitidamente machista e preconceituoso e sua vinda ao Brasil seria um retrocesso a toda a evolução a que o país já chegou. Além de ferir direitos humanos, suas técnicas são um assédio aos direitos das mulheres. Os homens brasileiros que desejam aprender técnicas de sedução não devem se basear em alguém só por ter dinheiro e se denominar capaz de fazer todas as suas vontades. A proibição de sua vinda é uma causa realmente verdadeira, que busca evitar que pessoas que difamam as boas morais permaneçam fazendo o que bem entenderem! Suas técnicas abusivas devem ser negadas e os brasileiros devem se unir por um mundo que é de todos e saber que a violência não é a solução quando se refere à conquista.

A petição para impedir a vinda do americano deve conter dados como e-mail e nome (de preferência completo). Por agora se pretende a divulgação do endereço, sendo que a petição tem como objetivo passar a mensagem que se deve crescer com a esperança de um país melhor, solidário e com formas de pensar que contemplem o amor, o respeito, a evolução, um mundo com direitos para todos e com deveres a serem seguidos. Crescer com a ideia de UM MUNDO MELHOR. A petição se encontra em um site que faz parte de uma organização de petições, sendo possível encontrá-la com uma simples busca no google.