O Brasil é autossuficiente em petróleo, mas a gasolina é uma das mais caras do mundo, além de ser a mais suja. Nossos vizinhos da América latina não produzem petróleo e lá a gasolina é mais barata. Nós aceitamos tudo. Não podemos negar que as famílias são atingidas de todas as formas. A renda familiar é comprometida pelo aumento abusivo.

Os custos altos dos combustíveis têm efeito nocivo e desanimador, pois afetam rigorosamente o setor produtivo, principalmente quando se trata da distribuição de alimentos, que precisam ser transportados por estradas de rodagem por todo o país. Isso significa que podemos esperar aumento dos preços nas prateleiras do supermercado.

Publicidade
Publicidade

Na última quinta-feira (6), a Petrobras anunciou o aumento da gasolina em 3% e do diesel em 5%. Aumento este que desde terça-feira já havia sido aprovado. O presidente da Sincopetro (Sindicato dos postos), José Alberto Gouveia, disse que o aumento deve ficar um pouco abaixo para o consumidor. Será?

Uma coisa é certa, para nós brasileiros, não existe vantagem em sermos autossuficientes em petróleo. Nós pagamos em média 30% de impostos no litro do combustível. O argumento usado foi que o mercado vinha pressionando o governo, alegando que o preço do litro estaria defasado com relação ao exterior e com isso a empresa absorvia os prejuízos para evitar o impacto inflacionário, argumento derrubado pelas pesquisas que constatam que o combustível no Brasil é um dos mais caros do mundo.

Também não há como negar que nossa inflação já está descontrolada faz tempo.

Publicidade

A cada dia somos surpreendidos com o aumento de alguma coisa, infelizmente. E o pior é saber que nos corredores do congresso se fala em cortar os gastos governamentais "reformulando" o seguro desemprego e o abono salarial, mas ninguém explica o que significa "reformular".

Espero que o cidadão brasileiro não seja vítima de outro golpe de estado como o de Fernando Collor, ou perca direitos que conquistou com muito sacrifício, como 13º salário, férias e outros, enquanto classes superiores, de alto escalão como dizem, degustam de auxílio moradia no valor mínimo de 4 mil reais, auxílio terno, altos salários, passagens de avião e muitas outras mordomias. Diante desse quadro assustador, desejo que Deus nos dê condições de ainda sonhar com um futuro melhor.