Após um longo período de investigações e muitas hipóteses, finalmente está próximo do fim a resposta para a causa do acidente com o avião do ex-governador Eduardo Campos, que era candidato a presidência pelo partido do PSB.

De acordo com investigações da Aeronáutica as causas do acidente demonstram que a culpa foi do piloto Marcos Martins, que cometeu muitos erros durante a viagem do avião. O despreparo do piloto pode ser a resposta desta tragédia que marcou o Brasil.

Os resultados finais da investigação ainda serão divulgados em fevereiro deste ano. Basicamente, o piloto falhou por que não possuía treinamento adequado para o tipo de avião utilizado.

Publicidade
Publicidade

Além disso, no momento de ser necessário cancelar o pouso e arremeter o avião ele realizou procedimentos em desacordo com as instruções do tipo de aeronave. Por isso houve a desorientação espacial, que faz o piloto perder a noção de pouso do avião em relação ao solo. Neste tipo de situação, o avião perde a orientação no espaço, ficando desorientado no voo, o que pode gerar uma queda fatal, que foi o que ocorreu durante a viagem com o candidato Eduardo Campos.

De acordo com dados dos últimos momentos do voo, o piloto tentou subir com o avião em velocidade máxima e com um ângulo de 70 graus, entretanto sua tentativa de levantar o avião resultou em um efeito contrário. Em vez de a aeronave subir, ela caiu rapidamente contra o solo.

Não houve defeito no avião, nenhuma imperfeição técnica e nem ocorreu erros na operação do sistema da aeronáutica.

Publicidade

Além disso, não foi encontrado falhas nas turbinas do avião. Entretanto, a caixa preta que poderia ser usada para solucionar definitivamente este acidente estava desligada. Portanto, não foi gravada nenhuma conversa durante o voo.

Vidas foram perdidas, dentre elas a do político Eduardo Campos, e finalmente a solução desta tragédia está perto do fim. O ex-governador era um homem muito admirado por ter a vida política com grandes realizações. Acreditamos que, assim como o seu avô, ele também não será esquecido. #Famosos