Na madrugada desta quinta-feira (05) iniciou uma nova fase da Operação Lava Jato - que já está em sua nona fase. Nesta nova etapa, a Polícia Federal irá atuar em quatro estados brasileiros: Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia.

A nova fase começa com  62 mandados a serem cumpridos, sendo 40 deles de busca e apreensão, 18 de pessoas que serão levadas para a delegacia para prestar depoimento (condução coercitiva) - o primeiro depoimento foi do tesoureiro do PT, João Vaccari Neto - um mandado de prisão preventiva e três de prisão temporária.  

Entre os pontos da operação, que apura os desvios da #Petrobras, além dos mandados, há os alvos da operação, que são os investigados, como Vaccari, que até então tem negado qualquer envolvimento com as irregularidades na Petrobras e também com o esquema do doleiro Alberto Yussef.

Publicidade
Publicidade

O tesoureiro do PT prestou depoimento por quase três horas e foi liberado após ser ouvido. Segundo o procurador da República Carlos Fernando dos Santos Lima, Vaccari foi chamado para esse depoimento pela suspeita de ter pedido doações legais e ilegais à várias empresas parceiras da Petrobras - as que estão envolvidas no caso.

Em SC, duas pessoas já foram presas:  um sócio e um diretor de umas das 26 empresas investigadas. Há ainda um outro sócio envolvido, que estava no exterior e talvez chegue hoje ao Brasil. Todas as empresas envolvidas atuavam  de fachada em contratos com a estatal e nelas foram apreendidos dinheiro e documentos.

As investigações que começaram em três departamentos da Petrobras se estendem também à subsidiária BR Distribuidor e segundo o procurador, há indícios de subornos ainda muito recentes, no final de 2014, feitos pelas empresas investigadas a executivos da subsidiária.

Publicidade

Toda essa crise envolvendo a estatal fez com que a presidente Dilma Rousseff aceitasse ontem a renúncia da presidente da Petrobras, Graça Foster e de mais cinco diretores da empresa - acontecimento que refletiu nas ações da Petrobras, que subiram 15% após a renúncia de Graça Foster.



#Corrupção