O mapa de protestos mostra que movimentos sociais e entidades também marcam presença em diversas capitais brasileiras para protestar pela democracia, reforma política e a Petrobrás.

A manifestação desta sexta-feira, 13, as 15 horas na frente do Prédio da #Petrobras, também na Av. Paulista convocada pela CUT - Central Única dos Trabalhadores, reúne mais nove entidades ligadas aos movimentos sociais, incluindo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) e União Nacional dos Estudantes (UNE).

A discussão sobre as necessidade de reformas políticas tem expectativa de mobilizar Sindicalistas, professores, trabalhadores e estudantes no protesto em resposta ao ato de domingo, 15, que tem como foco o #Impeachment da Presidente Dilma Rousseff, reforçando o respeito aos resultados das urnas eleitorais.

Publicidade
Publicidade

Os movimentos também defendem a Petrobras, patrimônio responsável por parte do desenvolvimento nacional, em combate à corrupção entre políticos e dirigentes empresariais que financiam campanhas eleitorais.