A eleição de 2014 ficou marcada por um fato triste da história da nossa democracia. A divisão do país em dois. O Brasil do Norte, eleitores de Dilma Rousseff, e o Brasil do Sul, eleitores da oposição.

É notório que a atual presidente do Brasil, Dilma Rousseff, depois que tomou posse, está sendo totalmente bombardeada de críticas e pedidos de Impeachment por parte de brasileiros que moram no ‘Brasil do Sul’, onde a maioria não queria a continuidade do governo do PT no Brasil. Vemos nos meios de comunicação protestos, greves e movimentos ligados à partidos da oposição pedindo o impeachment da mesma. Mas será que seria a solução?

O governo do PT acusado de ser populista implantou um dos maiores programas de distribuição de renda no ‘Brasil do Norte’.

Publicidade
Publicidade

Programa hoje, que atente famílias que não tinham nenhuma condição de se alimentar regulamente, hoje já conseguem fazer as quatro refeições do dia. A gratidão da população do ‘Brasil do Norte’ é notória com o governo do PT, pois a região nunca teve tanto beneficios em governos anteriores. A melhoria na condição de vida do nordestino é o reflexo dos programas sociais do atual governo.

Porém do outro lado, o ‘Brasil do Sul’, não ficou satisfeito com o péssimo desempenho na área política e econômica do governo do PT. O governo deixou a desejar em setores essenciais para o desenvolvimento da agricultura, indústria e infraestrutura. Além do caos que se transformou nossa economia, o povo ainda teve que conviver com as famosas denúncias de corrupção no país. Os escândalos do Mensalão e agora da Petrobras foram a gota d’água para os brasileiros do chamado ‘Brasil do Sul’.

Publicidade

Cansado de trabalhar para pagar impostos e ainda sofrer com a precariedade do sistema de saúde do país, esses brasileiros estão indignados de como sobra tanto dinheiro para corrupção, mas falta para investir em educação, saúde e emprego.

É notória a divisão do nosso país. Quando Dilma Rousseff vai a um evento na parte norte do nosso Brasil, ela é festejada e aplaudida pela população. O governo do PT é quase que unanimidade na região. Agora quando ela vai à parte sul do Brasil, já são preparados eventos de protestos contra o governo do PT, vaiando e xingando a atual presidente do Brasil, pela atual situação econômica do país.

 O impeachment ou a separação do nosso país em dois seria um retrocesso para nossa democracia. A cobrança é garantindo por lei na nossa constituição, como a observância da vontade popular de escolher seus representantes. Dilma Rousseff venceu as eleições e povo tem que entender isso - ou querem de volta a ditadura militar para repreender os direitos individuais de cada cidadão?

Daqui a 4 anos tem eleições presidenciais novamente e a oportunidade do povo escolher quem ele acha melhor para o país. A forma democrática continua sendo o melhor meio de garantir os direitos individuais das pessoas, mesmo que o atual sistema esteja totalmente ‘espatifado’. #Opinião