Diversos encontros estão acontecendo entre representantes do #PSDB e da TV Record. Segundo a emissora ligada à Igreja Universal do Reino de Deus, as conversas não passariam de pura rotina. Mas muita gente tem estranhado tanto interesse um pelo outro. O ex-candidato á presidência da república e senador por Minas Gerais, Aécio Neves, teria recebido o convite para participar de um evento cultural na Amazônia patrocinado pela emissora. Na noite desta segunda-feira, foi a vez de outro senador, dessa vez o que representa São Paulo, José Serra, se reunir com Claudio Costa, presidente da Rede Record.

José Serra e presidente da Rede Record se reuniram em jantar de reaproximação 

De acordo com informações da revista Veja em publicação realizada nesta quarta-feira, 15, o encontro teria sido um jantar.

Publicidade
Publicidade

A conversa teria sido marcada por Claudio Costa e teria o objetivo de aproximar ainda mais a Record e o PSDB. No passado, a emissora de Macedo foi até acusada de ter apoiado Dilma Rousseff do PT. Segundo a Veja, desde Serra perdeu as eleições para Dilma em 2010, a relação entre ele e a rede de TV não seria das melhores.

No passado, emissora foi acusada de apoiar eleição de Dilma 

Rousseff substituiu Luis Inácio Lula da Silva e acabou se reelegendo no último ano.  Desde que a popularidade da presidente começou a cair, a Record tem sinalizado um reaproximação do PSDB. Como já dissemos no início desta matéria, a emissora nega qualquer tipo de interessa, a não ser fortalecer uma amizade cordial. 

Aécio Neves já teria se reunido pelo menos duas vezes esse ano com representantes da TV Record 

No mês passado, Aécio Neves também recebeu o convite do presidente da TV Record para estar no festival folclórico de Parintins, evento muito popular realizado no estado do Amazonas.

Publicidade

No local, a rede de TV teve direito até a camarote regado a comes e bebes. O senador teria tido um novo encontro com representantes da Record nesse mês, mas o conteúdo do que foi falado por ele e por Claudio Costa não foi divulgado. #Televisão #Governo