O PSDB está a cada dia mais afim de se unir a milhares de brasileiros No pedido pelo #Impeachment da presidente da república Dilma Rousseff. Após a terceira grande manifestação contra o #Governo realizada neste domingo, 16, os tucanos agora vão mesmo declarar apoio ao impeachment da líder do governo. A informação foi dada pelo senador Aloysio Nunes Ferreira, eleito por São Paulo. Segundo ele, o partido irá sim apoia um processo de investigação, caso esse seja realmente aberto pela Câmara dos Deputados. 

Apesar de confirmar o apoio do partido, Aloysio fez questão de dizer que ainda não há material suficiente para condenar a petista.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o político, isso só deve acontecer quando o PMDB deixar o governo. A presidente tenta fazer de tudo para que isso não aconteça e tem dado mais poder de voz ao seu vice-presidente, o peemedebista Michel Temer. "A gente tem um impasse no Brasil, poque ao mesmo tempo em que Dilma não consegue governar, não há quem esteja como uma real alternativa de sucessão", explico o senador em seu discurso na tribuna do Senado nesta segunda-feira, 17. 

O senador ainda disse na tribuna do Senado que já há elementos jurídicos para o impeachment, mas que isso poderia ter um custo muito cruel para a economia brasileira, que já não vai bem. O tucano lembrou, no entanto, que é preciso um aval dos empresários, dizendo que um agravamento da crise política e novas prisões na operação Lava Jato também poderiam fazer o mesmo efeito, talvez até, segundo ele, com mais força.

Publicidade

O Palácio do Planalto disse por meio de nota que as manifestações deste domingo seguiram a normalidade democrática. As estimativas de público nas passeatas foram discrepantes. Na maior delas, em São Paulo, segundo os organizadores, entre 1 milhão e 1 milhão e 500 mil pessoas participaram dos protestos. Já segundo a Polícia Militar, esse número seria bem menor, cerca de 350 mil. A presidente #Dilma Rousseff preferiu mais uma vez não falar sobre os protestos. Dilma vive um momento crítico de rejeição.