Uma decisão da bancada do PT na #Câmara dos Deputados, em Brasília, gerou bastante discussão, e até mesmo revolta, sobretudo, por parte dos políticos membros da oposição. Isso por que, os deputados petistas bloquearam na última sexta-feira, 15, uma proposta de lei que atingiria diretamente as empreiteiras que estão sendo investigadas pela Operação #Lava Jato.

Caso a proposta fosse aprovada pelos Deputados Federais, tais empreiteiras, que estão sob investigação, poderiam ser impedidas, dentro de um prazo mínimo de um ano, de serem contratadas por órgãos públicos ligados ao Governo Federal, e também vinculados a governos estaduais e municipais de todo o país, mesmo tendo assinado “contratos” de leniência.

Publicidade
Publicidade

Atualmente, as empreiteiras que firmaram estes acordos de leniência, ou seja, que assumiram perante a Justiça que cometeram irregularidades e crimes, estão livres para realizarem contratos com o poder público em qualquer parte do Brasil, mesmo estando ainda sob investigação de operações, como a Lava Jato.

Com o bloqueio da proposta, feita pela bancada petista na Câmara, esta “liberdade” para as empreiteiras deve permanecer por mais um tempo. Revoltados, deputados da oposição acusam os deputados do #PT de atenderem aos interesses destas empreiteiras, sobretudo, as investigadas na Operação Lava Jato.