O depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à força-tarefa da Operação #Lava Jato, da Polícia Federal, aumentou significativamente as expectativas em torno das megas manifestações que ocorrerão em 13 de março, previstas para todo o Brasil. A Operação "Alenthea", braço da Lava Jato, sob comando do juiz federal Sérgio Moro, levou nesta sexta-feira (4), o ex-presidente Lula coercitivamente para depoimento em São Paulo. A possibilidade de prisão de Lula inflamou os ânimos dos manifestantes anti-PT e de acordo com os movimentos democráticos que pedem o impeachment da presidente Dilma, espera-se um número muito maior de pessoas nas ruas contrárias ao #Governo e também pedindo a prisão do ex-presidente Lula.

Publicidade
Publicidade

Adesão em massa

Os representantes dos Movimentos Democráticos analisam que 13 de março poderá entrar para a história como as maiores manifestações já vistas no País, pois verifica-se que a adesão da população segue crescendo substancialmente. Outro dado importante constatato é que nas redes sociais, o movimento está muito maior, inclusive, com depoimentos e comentários de grande parte dos internautas, demonstrando alívio e indignação, de acordo com representantes dos movimentos contrários ao governo.

A mais recente fase da Lava Jato, a chamada "Alenthea", teve como principal alvo o ex-presidente Lula e sua família, suspeitos da prática de diversos crimes, como beneficiários dos desvios de recursos públicos, em razão da situação enfrentada pela maior estatal brasileira, a Petrobras.

Publicidade

O nome da operação realizada pela Polícia Federal tem como significado: "a busca da verdade", em grego, e focou principalmente, no depoimento de Lula acerca de seus prováveis imóveis como o sítio Santa Bárbara, em Atibaia, no interior de SP e o apartamento triplex, em Guarujá, cidade do litoral paulista. Os investigadores exerceram busca e apreensão, com o intuito de apurar e comprovar as supostas palestras e a origem de que grande parte dos recursos tenham partido das principais empreiteiras envolvidas nos escândalos de #Corrupção que afetam a Petrobras, e consequentemente, todo o país. O papel da população e a adesão em massa às ruas no dia 13 de março, será fator preponderante para o fortalecimento do processo de impeachment de Dilma Rousseff.