"Os dias de Rede Globo estão contados!", comenta um internauta na rede social Facebook após a divulgação do vídeo do protesto contra a Rede Globo. Nesta quinta-feira (24) de março, dezenas de milhares de manifestantes tomaram as ruas do Rio de Janeiro e São Paulo.

Manifestantes caminham até a Rede Globo

Os manifestantes caminharam até a sede da Rede Globo no Rio de Janeiro. Um dos organizadores incita que a emissora é cúmplice no processo do golpe político, de acordo com as manifestações contra o #Impeachment da presidenta Dilma Rousseff. "... Dessa marcha pela democracia, no local que é simbolo de um golpe que está sendo atentado contra o país," comenta o organizador da Frente Povo Sem Medo.

Publicidade
Publicidade

Confira o vídeo:

O vídeo foi disponibilizado no perfil dos Jornalistas Livres, um coletivo de jornalistas que trabalham de forma colaborativa visando cobrir as pautas que as mídias tradicionais não cobrem.

Durante as diversas manifestações que ocorreram no Brasil, especialmente em 2016, foram dezenas de cartazes e gritos de ordem contra a Rede Globo. Muitos dos protestos chegaram a ser televisionados pela própria emissora, que viu-se em uma 'saia-justa' ao não saber como se comportar diante da denúncia da população.

A indignação da população com a Rede Globo é antiga e remete aos tempos da ditadura militar. A emissora é acusada por diversos estudiosos e militantes da época como facilitadora do processo de ditadura no país. Curiosamente, a emissora cresceu e formou-se durante a ditadura militar.

Publicidade

O ponto atual mais efusivo foi a justificação da emissora ao negar a divulgação da recente lista liberada pela empresa Odebrecht com mais de 200 nomes de políticos envolvidos no repasse de verbas para financiamentos de campanhas. 

Os manifestantes acusam a empresa de parcialidade e de financiamento do golpe contra democracia. A Globo já fora condenada em diversos processos, incluindo a sonegação de impostos, como o caso de sua sucursal em Santa Catarina, a NBR, que foi vendida recentemente.

Outra acusação que paira sobre a rede de TV brasileira Globo é o oligopólio que a empresa possui com mais de 600 canais, algo considerado completamente inconstitucional no Brasil. #Manifestação #Lava Jato