Se por um lado o PT e Lula estavam acostumados à uma blindagem sobrenatural em que todos viam seus erros, mas ninguém acreditava, ou pelo menos os ignorava, agora o jogo mudou e há cada dia, mais denúncias surgem contra o partido e seus correligionários.

Durante sessão da #Câmara dos Deputados nessa sexta-feira, 1, Onyx Lorenzoni, deputado federal pelo Democratas do Rio Grande do Sul, usou sua oportunidade na tribuna para denunciar e expressar a sua indignação ao saber que milhões de reais pertencentes aos cofres públicos foram investidos para pagar protestos a favor do governo, bem viraram pagamento de artistas através da lei Rouanet para apoiar Dilma e cia.

Publicidade
Publicidade

Para ler a matéria completa sobre a compra de artistas, clique aqui.

Além disso, o deputado destacou que o PT segue a lógica do Partido Nacional Socialista Alemão, que é o partido nazista, do qual reproduz o seguinte ideal político nos bastidores, longe do povo: "Repita uma mentira mil vezes, pois pode ser que na milésima primeira vez ela se torne verdade."

Dessa forma, tem feito milhões de pessoas se tornarem cegas pelo partido e seus supostos programas sociais pensando no mais necessitado, quando na verdade, está retirando dinheiro do sistema público de saúde, da segurança pública e da educação dos filhos dos eleitores do partido.

Onix salienta que apesar do partido ter conseguido imperar essa tática nazista por tantos anos, atualmente nove em cada dez pessoas já ‘abriram seus olhos’ e não acreditam mais nas mentiras do PT e sua trupe.

Publicidade

O que pode justificar o fato de precisar pagar para ter um número relevante, mas não extraordinário, de pessoas supostamente a seu favor. O parlamentar encerrou o seu discurso dizendo ‘Fora Dilma, Fora PT’.

A denúncia de Onyx veio poucos dias após circular na internet algumas supostas convocações de militantes para os protestos, ofertando remuneração para os interessados. Como documentos reais se misturam em materiais fakes criados por internautas irritados com o governo, pairou a dúvida sobre a veracidade dos fatos.

Nos últimos dias foi divulgado que o Sinte-SC teria ofertado R$300 mais condução ida e volta para os manifestantes devidamente cadastrados que participariam dos protestos do dia 31 de março.

Ao ser procurada, a diretoria do Sinte confirmou a existência do anúncio em sua página oficial do Facebook, mas alegou que foram oposicionistas que atuam dentro do próprio sindicato dos educadores que teria praticado esse ‘golpe’ para manchar a imagem da entidade. Alguns associados confirmaram a proposta pelas redes sociais e se mostraram indignados e decepcionados com o ocorrido.

Segue o vídeo do discurso de Onyx Lorenzoni:

E você, o que pensa disso tudo? Deixe um comentário expressando a sua opinião. #Dilma Rousseff #Corrupção