Michel Temer, que ocupa o cargo de vice-presidente do Brasil, há muito vinha insatisfeito com seu papel de coadjuvante na liderança do governo federal.

Em dezembro de 2015, ele demonstrou toda a sua insatisfação através de uma carta que foi enviada a presidente Dilma, e amplamente divulgada pela mídia, onde enumerava todo seu desgosto com o papel que vinha desempenhando no governo.

Michel quer a Presidência do Brasil

O distanciamento de Michel Temer e de Dilma gerou um grande mal estar nos bastidores do planalto. E desde então o apoio do PMDB, ao governo Dilma, começou a ruir. 

Frustrado com o cargo de vice-presidente, foi com o processo do #Impeachment, que Michel Temer enxergou a possibilidade de ser o principal líder político do Brasil.

Publicidade
Publicidade

E assim engrossou o coro da oposição em favor do impeachment, trabalhando nos bastidores do PMDB, até que o partido desembarcasse de vez da base aliada.

Temer já fala como Presidente da República

No início desta semana, uma mensagem de voz feita por Michel Temer, através do aplicativo do WhatsApp, "vazou" e novamente foi amplamente divulgada pela mídia. O conteúdo desta mensagem, segundo o vice-presidente, era um ensaio de um provável pronunciamento a nação, contando como certo o afastamento da presidente Dilma.

No discurso de "posse", Michel Temer, afirma que está pronto para assumir a presidência do Brasil, fala em dar continuação aos programas sociais como Pronatec e Bolsa Família, entre outros. Afirma que terá a missão de apaziguar o Brasil e ele diz "ser a pessoa que fará o governo da salvação nacional".

Publicidade

PMDB pode chegar pela segunda vez a presidência através de um impeachment

Essa pode ser a segunda vez que o PMDB, pode chegar a Presidência da República através de um processo de impeachment. Porém já foram entregues ao presidente da Câmara de deputados, Eduardo Cunha, quatro pedidos de impeachment de Michel Temer, caso ele venha assumir a presidência.

Segundo a última pesquisa feita pelo Datafolha, a maioria dos entrevistados também não vêem com bons olhos Michel Temer como presidente da República. #Dilma Rousseff #Crise-de-governo