Neste domingo (17), em uma sessão histórica, acontece uma nova fase do processo de #Impeachment contra a presidente #Dilma Rousseff, sobre sua permanência na Presidência da República.

A sessão teve uma pausa às 13h42, sendo retomada às 14h. O processo decide se o mandato de Dilma será cassado pelo crime de responsabilidade, do qual ela é acusada.

O processo de hoje, caso seja aprovado pelos deputados, passará então para as mãos dos Senadores, e lá, se a maioria votar a favor, Dilma será afastada por 180 dias, e seu vice Michel Temer, assume o comando da Presidência.

A denúncia precisa de, pelo menos, 342 votos a favor, para ser encaminhada ao senado, e até agora, o placar está sendo 350 votos de deputados a favor, enquanto 132 são contras.

Publicidade
Publicidade

Ou seja, se depender deste resultado, o processo de hoje a favor já está ganho.

PROTESTOS

Neste domingo, ocorrem manifestações por todo o país, 12 estados estão sendo palco dos manifestantes. O palco protagonista está sendo em Brasília, cerca de 7 mil manifestantes caminharam para a frente do Palácio. Estima-se que aproximadamente 4 mil manifestantes, estão a favor de Dilma. Policiais militares apreenderam caixas de fogos de artifício, uma mochila com uma suposta bomba caseira também foi encontrada pelos policiais. Um grupo de estudantes da Universidade de São Paulo (US), também foi para Brasília participar das manifestações.

Ambulantes também aproveitam as manifestações para faturar um bom dinheiro com vendas de água e refrigerantes.

No Rio de Janeiro, uma manifestante anti-impeachment causou polêmica ao fazer topless.

Publicidade

Já em Curitiba, 4 protestos marcam presença, dentre eles até a ‘Marcha da maconha’. Dois telões foram instalados, para os quatros grupos acompanharem a votação. Até sexta-feira, 8 mil pessoas haviam marcado presença em um evento do Facebook.

Em Fortaleza (CE), manifestantes que são a favor do Impeachment, montaram um painel de fotos dos Deputados que podem votar a favor de Dilma, na Praça Portugal escrito ‘Muro da Vergonha’.

Dilma, hoje de manhã, após um passeio de bicicleta em volta da Alvorada, se reuniu com os deputados do seu partido, para finalizarem os últimos detalhes. #Governo