O sítio em Atibaia no interior de São Paulo frequentado pela família do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e que é um dos alvos das investigações da Operação Lava Jato da #Polícia Federal foi assaltado nessa quinta-feira (07).

De acordo a Polícia Civil, o assalto ocorreu da seguinte forma: cerca de quatro criminosos invadiram a propriedade cortando uma cerca dos fundos, após invadir a propriedade, eles quebraram um vidro para ter acesso ao interior da residência e para roubar alguns objetos.

Policiais Civis e Militares em ação conjunta recuperaram alguns objetos

Policiais militares foram até o local às 16h30 e fizeram uma varredura no local e nos arredores, às 17h30 policiais civis se juntaram aos militares para fazer uma varredura no local e verificar quais objetos teriam sido roubados.

Publicidade
Publicidade

Segundo informações os criminosos teriam fugido pela mata, a Polícia Militar vasculhou o local e conseguiu capturar dois suspeitos que estavam portando vinhos importados, uma caixa de charutos com uma placa de homenagem aos 30 anos da morte de Che Guevara, uma TV e um aparelho de DVD que provavelmente teriam sido furtados do sítio.

"Quando chegamos ao sítio, tivemos a informação de que eles (suspeitos) poderiam ter fugido pela mata. Fizemos as buscas com a Polícia Militar e encontramos dois rapazes com os objetos. Eles estavam escondendo os objetos" afirmou o delegado Elton Costa que comandou a operação.

A Polícia Militar ainda está em busca de outras duas pessoas que teriam fugido pela mata.

Polícia Civil descartou que crime tenha ligação com a política

A hipótese de que o roubo tenha a ver com a política foi descartada pelo delegado Elton Costa que declarou que as pessoas que invadiram o local são humildes.

Publicidade

“Não há nenhuma ligação. São pessoas humildes. Viram o sítio vazio e viram a oportunidade”.

Em março o sítio foi alvo de varredura de policiais federais na 24ª fase da operação #Lava Jato. O Ministério Público Federal e a Polícia Federal investigam se o sítio é de propriedade de #Lula que por sua vez, nega veementemente que é dono da propriedade.