Nesta quinta (19), Eduardo Cunha deve se apresentar ao Conselho de Ética para tentar se defender, a sessão deve começar às 9h30. Esse é o processo mais longo da história do Câmara e pode resultar em cassação de mandato do político.

Além do depoimento de Cunha, o seu advogado também deve concluir a defesa técnica que deve marcar o encerramento dessa fase de coleta de provas. Logo depois, o relator, Marcos Rogério terá que apresentar um parecer final.

Entre as acusações contra o ex-presidente da Câmara está a quebra de decoro parlamentar por ter contas secretas no exterior.  Em depoimento à CPI da Petrobrás no ano passado, o parlamentar chegou a omitir a existência delas e ainda disse ser apenas o beneficiário de fundos geridos por trustes.

Publicidade
Publicidade

Cunha embora esteja afastado, ainda influencia muito o governo de Temer onde só nesta semana já apresentou três nomes e conseguiu tumultuar bastante a gestão do atual presidente que ainda na forma de "interino", já sofre pressões.  

Entre os indicados do político afastado estão os ex-advogados dele, Alexandre de Moraes como ministro da Justiça e Gustavo do Vale Rocha, como subchefe para assuntos Jurídicos da Casa Civil.  O terceiro nome foi o do seu ex-assessor especial, Carlos Henrique Sobral que agora é o novo chefe do gabinete da Secretaria do Governo.

Devemos esperar que o peemedebista se defenda com "unhas e dentes" nesta quinta e embora os seus adversários o considerem um tanto frágil no momento, espera-se que ele repita a sua velha estratégia de se defender atacando os seus inquisidores.

Publicidade

#Eduardo Cunha foi presidente da Câmara desde fevereiro de 2015 até o último dia 5 de maio, data esta em que o político foi afastado provisoriamente do seu cargo por decisão do Supremo Tribunal Federal sob graves acusações.  O parlamentar estaria tentando atrapalhar trabalhos do Conselho de Ética e a #Lava Jato, operação que o réu é investigado atualmente.

Embora Marcos Rogério ainda tenha dez dias úteis para concluir o caso, ele já antecipou que deve fazê-lo até o fim desse mês. Agora, só basta esperar para saber se Cunha será cassado ou não e se ajustiça enfim será feita.  #Corrupção