Há 50 anos, o advogado, nascido em Recife, Marco Antônio de Oliveira Maciel, conhecido como Marco Maciel, entrou para a vida política partidária. Participando ativamente de momentos importantes da história brasileira e sempre se mostrando um grande articulador político.

Marco Maciel ficou nacionalmente conhecido, após participar por dois mandatos do governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB), ocupando a vice-presidência da República entre os anos de 1995 a 2002.

Hoje, Marco Maciel vive totalmente recluso e afastado da vida política. Ele está com a #Saúde muito fragilizada e acometido por Mal de Alzheimer. Desde 2010, tem evitado aparições públicas e a imprensa de seu estado, Pernambuco, sempre tratou seu estado de saúde com a mais absoluta discrição.

Publicidade
Publicidade

Prestes a completar 50 anos de casado, a esposa fiel e devota, Anna Maria Ferreira Maciel, relatou que o marido está bem, mais vive num profundo silêncio e diz que, às vezes, tenta chamar a atenção do marido para algo que está passando na TV, mas o marido não dá a menor resposta.

Marco Maciel abandonou a política em 2010, quando perdeu a eleição para o Senado

O vice-presidente de FHC participou pela última vez de uma eleição em 2010, quando perdeu a eleição para o Senado, ficando em terceiro lugar. De acordo com o assessor de Maciel que esteve ao lado do político por mais de 30 anos, Guilherme Codeceira, Marco Maciel sentiu profundamente a perda nas eleições.

“Para mim, ele nunca falou nada, mas acho que a perda na eleição foi um grande trauma para ele. Acho que ele sentiu ingratidão de seu eleitorado, pois ele sempre fez da política uma ação missionária.

Publicidade

Ele dedicou sua vida ao Brasil e ao seu estado, Pernambuco”.

O ex-governador e ex-prefeito de Recife, Gustavo Krause disse que Marco Maciel sempre mostrou uma fortaleza interior muito grande, mais que após a perda da eleição de 2010, Maciel se mostrou muito abatido e abandonou completamente a vida pública.

“A gente tentou ver se ele se interessava novamente por política, mas ele operou uma completa reclusão e foi para Brasília”.

FHC lembrou com carinho de Marco Maciel em dois livros lançados recentemente

O ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, lançou, recentemente, duas obras biográficas: ‘Diálogos da Presidência’, e lembrou com carinho de seu vice-presidente. FHC faz diversas menções a Marco Maciel, ressaltando sempre a importância do político para o seu governo, FHC classificou Marco Maciel como um aliado “fiel” e “discreto”.

Dos três filhos de Marco Maciel, nenhum seguiu a carreira política do pai. Em toda a sua carreira política, ele perdeu apenas uma eleição, justamente a última, em 2010. Ele já foi deputado federal, governador de Pernambuco, senador, vice-presidente da República e ministro duas vezes, da Educação, em 1985, e da Casa Civil, em 1986, durante o governo de José Sarney. #PSDB #Doença