A crise econômica que o Brasil enfrenta é a maior de todos os tempos, contando com milhões de desempregados e muitas empresas enfrentando sérios problemas financeiros. Mesmo com esse atual problema econômico, os polícos brasileiros parecem não estar preocupados e desejam arrecadar quantias absurdas de dinheiro para financiar as campanhas eleitorais.

De acordo com o site do jornal O Globo, a intenção do PT e do PSDB é conseguir a gigante quantia de 20 milhões de reais para cada partido político conseguir realizar os feitos extraordinários que existem apenas durante o período de campanha. Contudo, como o STE estipulou o valor máximo de gastos em 45 milhões, não há nada de errado em querer arrecadar o dinheiro e utilizar apenas na candidatura de um político.

Publicidade
Publicidade

Falta apenas usar o bom senso, mas, na política brasileira, isso é uma utopia.

A pretensão do #PT e #PSDB era conseguir quantias muito mais elevadas para financiar a disputa por votos em São Paulo. Como existe todo o desgaste de credibilidade das duas legendas partidárias, dos futuros candidatos e com a grave crise econômica, os dois partidos comentam que suas campanhas eleitorais serão mais "simples e baratas".

A estratégia do PT e PSDB é focar em pedidos de doações por meios de pessoas físcas, pois doações de dinheiro vindas de empresas é ilegal. Contudo, nada impede que empresários façam generosas doações por meio de configuraçoes de entrega de dinheiro através de suas pessoa física. Dessa forma, entra em cena o surgimento de grandes quantias de dinheiro para os partidos, deixando claro apenas o objetivo de favorecer a eleição de candidatos para o bem social, sem nenhuma outra intenção.

Publicidade

Uma excelente opção para arrecadar dinheiro é fazer uma vaquinha virtual em que os filiados e os simpatizantes possam contribuir. Dilma já fez isso e deu certo, pois em um mês ela conseguiu mais de 700 mil reais. Outra possibilidade é focar nas amizades políticas de pessoas com grande poder financeiro que estejam dispostas a investir o dinheiro.

O fato é que, com essa possibilidade real de conseguir uma verba muito pequena, os partidos já anunciaram medidas de cortes de gastos em marketing, publicidade e propaganda. A contratação de equipes que cobram valores menores para serem responsáveis pelas campanhas eleitorais. Afinal, chegou o momento de economizar, a pretensão é de "somente" 20 milhões de reais.

Portanto, em meio a uma crise política nunca antes vista, em que políticos de diversos partidos, incluindo o PT e o PSDB, são investigados, acusados e até condenados. Os partidos políticos PT e PSDB provam a sua ousadia em querer arrecadar 20 milhões de reais para cada, com um único objetivo: gastar o valor na campanha política de seus candidatos.

Publicidade

Será que com 20 milhões de reais eles conseguem "provar" que Haddad é um "excelente" prefeito? Com 20 milhões de reais, o candidato do PSDB poderá convencer os cidadãos da capital paulista que ele é o melhor para exercer o cargo? Deixe sua opinião nos comentários! #Eleições