O #Senado Federal realizou durante toda essa terça-feira (9) e início da madrugada de quarta-feira (10) a sessão que iria votar em plenário o relatório do senador relator, Antonio Anastasia (PSDB-MG), que prevê o #Impeachment da presidente Dilma Rousseff.

A sessão foi aberta por Renan Calheiros, presidente do Senado, às 9h45, e a presidência transferida para Ricardo Lewandoski, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), que irá presidir o restante do processo. O momento mais prolongado da sessão foi durante o discurso dos senadores, em que cada um teve direito a fala por 10 minutos. 29 dos senadores que falaram foram a favor do impeachment, já 18 falaram contra.

Publicidade
Publicidade

Vale ressaltar que muitos aliados de Temer preferiram não se pronunciar para não prolongar mais ainda a sessão. Eles foram representados por Aécio Neves, presidente do PSDB e candidato derrotado por Dilma nas últimas eleições presidenciais.

Falaram a favor do impeachment:

José Medeiros (PSD-MT)

Gladson Cameli (PP-AC)

Aécio Neves (PSDB-MG)

Wellington Fagundes (PR-MT)

Lucia Vânia (PSB-GO)

Cidinho Santos (PR-MT)

José Agripino (DEM-RN)

Ronaldo Caiado (DEM-GO)

Hélio José (PMDB-DF)

Simone Tebet (PMDB-SP)

Cristovam Buarque (PPS-DF)

Ana Amélia (PP-RS) 

Reguffe (Sem Partido- DF)

Fernando Collor (PTC-AL)

Valdir Raupp (PMDB-RO)

Álvaro Dias (PV-PR)

Lasier Martins (PDT-RS) 

Pedro Chaves (PSC-MS)

Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE)

Benedito de Lira (PP-AL)

Wilder Morais (PP-GO)

Magno Malta (PR-ES)

Waldemir Moka (PMDB-MS)

Eduardo Lopes (PRB-RJ)

Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN)

Roberto Rocha (PSB-MA)

Eduardo Amorim (PSC-SE)

Romário (PSB-RJ)

Sérgio Petecão (PSD-AC)

Falaram contra o impeachment:

Paulo Paim (PT-RS)

Fátima Bezerra (PT-RN)

Telmário Mota (PDT-RR)

João Capiberibe (PSB-AP)

Katia Abreu (PMDB-TO)

Randolfe Rodrigues (Rede-AP)

Paulo Rocha (PT-PA)

Vanessa Grazziotin (PCdoB- AM)

Angela Portela (PT-RR)

José Pimentel (PT-CE)

Lindbergh Farias (PT-RJ)

Roberto Muniz (PP-BA)

Regina Sousa (PT -PI)

Humberto Costa (PT-PE)

Jorge Viana (PT-AC)

Gleisi Hoffmann (PT-PR)

Lídice da Mata (PSB-BA)

Roberto Requião (PMDB-PR) #Dentro da política