A assessoria do prefeito Eduardo Paes, do PMDB, está tendo muitos problemas para resolver nesse fim de mandato do peemedebista. Recentemente, um vídeo do político que trouxe as Olimpíadas ao Rio de Janeiro ganhou as redes sociais e irritou gente do país inteiro. A imagem de Paes, que sonha em 2018 se candidatar a governador do estado, ficou bem manchada. No vídeo, que é de maio do ano passado, Eduardo aparece entregando uma casa para uma moradora de uma comunidade carente, o Morro da Babilônia. A mulher, que é casada e trabalha como manicure, é identificada como Rita. 

Rita está muito feliz porque está recebendo o imóvel novo e parece não notar as brincadeiras sexistas do prefeito.

Publicidade
Publicidade

Ele diz que ela irá trazer muitos namorados para o apartamento. Vai "trepar muito", diz o político fazendo até mesmo seus assessores ficarem sem graça. Em outro momento, já no corredor e no lado externo do imóvel, ele aponta para algumas pessoas que acompanhavam a entrega do apartamento, e diz que Rita irá distribuir senhas para quem quiser visitar sua cama. 

O vídeo, é claro, foi divulgado apenas agora, pois atrapalha ainda mais Pedro Paulo, candidato a prefeito apoiado por Eduardo, que já está no término do seu último mandato. Pedro Paulo também aparece nas imagens, o que gerou  pedidos de explicações da Justiça Eleitoral, pois existe um período máximo para que os candidatos não participem mais de nenhum ato do governo, caso hajam na tentativa de concorrer ao pleito. 

A publicação com Rita fez tão mal à imagem do prefeito que ele decidiu correr atrás do prejuízo.

Publicidade

De acordo com informações do jornalista Lauro Jardim, do jornal 'O Globo', em matéria publicada nesta terça-feira, 30, assessores do peemedebista estão ´procurando por Rita. A procura acontece um dia depois de um advogado dela conversar com outro jornal, o Extra, e dizer que pretende processar o prefeito por danos morais. 

Eduardo, sabendo que a moradora pode realmente ganhar a ação, quer evitar perder uma fortuna. O objetivo dele é pedir desculpa e tentar reparar o erro.  #Eduardo Paes #PMDB