O Partido dos Trabalhadores (PT) não cansa de tentar defender o ex-presidente Luiz Inácio da Silva. Para isso, a legenda não tem limites. De acordo com informações do jornal 'O Estado de São Paulo' publicadas nesta segunda-feira, 22, a legenda petista fez uma espécie de cartilha falando mal do Brasil em quatro idiomas diferentes. Além do português, espanhol, francês e inglês também foram utilizados. O homem que defende a presidente afastada Dilma Rousseff diz que é vítima da "“mais violenta campanha de difamação contra um homem público em toda a história" já registrada pelo Brasil. 

As cartilhas falando mal da justiça, dos políticos e da imprensa brasileira começaram a ser divulgadas para órgãos de comunicação e personalidades mundo afora.

Publicidade
Publicidade

A forma encontrada pelo PT, segundo 'O Estado de São Paulo', seria uma compensação. Já que #Lula supostamente é difamado em seu país, o Brasil agora é difamado no exterior. Fazendo-se de vítima, o ex-presidente já havia tentado apelar para a Organização das Nações Unidas (ONU), mas o resultado não foi o esperado. A entidade disse que demoraria, no mínimo, dois anos para tomar qualquer partido. Esse tempo poderia ser suficiente para colocar o político na cadeia. 

As tentativas do PT e de Lula mostram como ele está temendo a Justiça brasileira, mesmo até que neguem isso o tempo todo. Em entrevista exibida neste domingo, 21, pelo 'Conexão Repórter', do SBT, a presidente afastada Dilma Rousseff disse que seu companheiro político não merecia ser preso por ser muito "inocente". A Roberto Cabrini, ele por muitas vezes parecia fora de si.

Publicidade

Lula e Dilma são citados diversas vezes na Lava-Jato. Ele já virou réu da Operação comandada pelo juiz federal Sérgio Moro. Ela é alvo de uma inquérito que pode fazê-la também ser ré. Esta abertura de investigação foi autorizada pelo Ministro Teori, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Dilma disse também que acha muito difícil fazerem qualquer coisa contra Lula, já que isso, segundo ela, seria tão desleal que daria "problema". #Impeachment #PTB