A um dia da votação que pode definir o futuro de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), uma enquete do jornal "O Globo" mostra que já há votos suficientes para sacramentar a cassação do mandato do deputado. De acordo com a publicação, 258 deputados já afirmaram que irão votar contra Cunha. O número supera os 257 votos necessários para definir a cassação.

Segundo o jornal, dos 512 deputados que irão votar, apenas três afirmaram que votarão contra a cassação de Cunha. São eles: João Carlos Bacelar (PR-BA), Carlos Marun (PMDB-MS) e Arthur Lira (PP-BA).

A publicação ainda afirma que 34 deputados disseram que devem se ausentar da votação, o que pode beneficiar Cunha, já que o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) já afirmou que só iniciará a votação com o quórum mínimo de 420 deputados presentes na sessão.

Publicidade
Publicidade

Ainda tentando se salvar, Cunha têm passado os últimos dias telefonando para diversos deputados tentando convencê-los a se ausentar da votação. Caso a sessão não atinja o quórum mínimo definido por Maia, a votação pode ser adiada, o que daria mais alguns dias para Cunha, que tentaria reverter o resultado e apresentar recursos junto ao Superior Tribunal Federal (STF). #Eduardo Cunha #Câmara dos Deputados #Política