Os advogados de #Lula estão com uma missão dificílima. Eles terão que provar que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não sabe de nada e nunca soube do esquema de #Corrupção que se alastrou no Partido dos Trabalhadores. Para tentar "escapar" das afirmações dos procuradores da Lava Jato, de que Lula é o comandante máximo do #Petrolão, os advogados querem provar que o ex-presidente é ingênuo e foi enganado pelas pessoas que estão à sua volta. A defesa quer mostrar que aquele ex-operário que chegou à Presidência com um recorde de popularidade, simplesmente é um "míope" e "bobo', incapaz de perceber os roubos e crimes "debaixo do seu próprio nariz".

Publicidade
Publicidade

A impressão que se tem, é que os advogados estão tentando livrar Lula das denúncias, rebaixando o ex-presidente como um simples "coitado".

Até mesmo o procurador da operação Lava Jato, Deltan Dallagnol foi mais respeitoso com o ex-presidente. Dallagnol colocou Lula como um homem inteligente capaz de "chefiar" esquemas de corrupção com muito talento. Vários foram as denominações do procurador para Lula, como por exemplo, "comandante máximo do Petrolão', "maestro da orquestra de corruptos" e 'grande general da propina".

Segundo o coordenador da força-tarefa da Lava Jato, essa organização criminosa jamais poderia ter ido tão longe, se não existisse a participação do ex-presidente. "Lula nomeava diretores para os mais altos cargos da Petrobrás", disse Dallagnol.

Denúncia

Lula foi acusado de receber R$ 3,7 milhões em propinas da empreiteira OAS e o dinheiro foi aplicado no triplex do Guarujá e no aluguel de contêineres, para que fosse possível guardar os objetos que Lula ganhou quando era presidente.

Publicidade

Apenas nesses contêineres foram gastos R$ 1,3 milhões. No triplex do Guarujá foram torrados mais R$ 1,1 milhão para que fosse adquirido o imóvel, fora os R$ 926 mil disponíveis para as reformas e R$ 350 mil para fazer uma cozinha gourmet.

Condenação

Se o ex-presidente for condenado, ele poderá em poucos dias estar preso. Caso for absolvido, o Brasil olhará Lula como um "cego" que governou o Brasil, sem perceber toda a corrupção que se desenrolava sob os fios do seu bigode.