Ex-ministro da Educação do Governo da ex-presidente Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores (PT), Aloizio Mercadante, acabou sendo muito vaiado ao ir em um aeroporto internacional em Portugal. As cenas teriam sido registradas na capital do país, que no passado colonizou o Brasil, Lisboa. Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o momento em que o ex-ministro teria tentado pular a fila do aeroporto. Aloizio passa direto da fila e tenta conversar com alguém. Ao lado de uma mulher, no entanto, ele parece não ter sucesso e volta para a fila. 

Nesse meio tempo, turistas que estavam na fila para embarcar começaram a vaiar o político.

Publicidade
Publicidade

De acordo com informações da coluna Radar, do site da revista Veja, em reportagem publicada nesta segunda-feira, 19, o caso teria acontecido nesse fim de semana e mostra um grupo de brasileiros questionando com que dinheiro Mercadante viaja. Ele é chamado de “ladrão” e “vagabundo”. Adjetivos que ninguém gosta muito de receber. Mercadante foi um dos nomes que defendeu Dilma durante o processo de impeachment. Atualmente, ele não desempenha nenhum cargo político. 

Veja abaixo o vídeo que mostra o momento em que o ex-Ministro é hostilizado por populares no exterior:

Não é a primeira vez que políticos são hostilizados em aeroportos. Isso tem acontecido até com uma certa frequência. No entanto, não é tão comum isso acontecer fora do país. Tanto que senadores pró-Dilma chegaram a viajar para Portugal para um reunião e não sofreram qualquer hostilização. 

Recentemente, outro senador, Magno Malta, do Partido Progressista (PP) do Espírito Santo (ES), também se envolveu em uma confusão.

Publicidade

Ele estava dentro de uma aeronave e começou a discutir com uma mulher, que defendia a companheira política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Assim como determina a Polícia Federal, os dois foram retirados do local para a segurança do voo e precisaram prestar depoimentos. 

Nesta semana, a ex-presidente Dilma participa de um ato no Rio de Janeiro em apoio a candidata Jandira Feghali, do PC do B. #PT #Dilma Rousseff