No debate com os candidatos à prefeitura do Rio de Janeiro, realizado nesta quinta-feira (29) pela Rede Globo, houve forte disputa dos candidatos Pedro Paulo do PMDB e Marcelo Freixo do PSOL, ambos concorrendo ao segundo turno com Marcelo Crivela, segundo as pesquisas de opinião.

Em meio ao caloroso debate entre os dois candidatos, durante a fala de Marcelo Freixo, Cidinha Campos do Partido Democrático Trabalhista (PDT), vaiou o candidato Freixo. Na tentativa de retomar a fala antes, Freixo se voltou para a plateia e disse para Cidinha: “Você não gosta de mim, Cidinha, mas sua neta gosta”.  

Depois dessa alfinetada, Cidinha Campos se calou.

Publicidade
Publicidade

Ela compõe a chapa que concorre para a prefeitura. Foi escolhida pelo atual prefeito para ser vice de Pedro Paulo.

A neta citada pelo deputado, é Sophia, filha de Maria Carolina, que vem de um relacionamento de Cidinha com o novelista famoso Manoel Carlos. A jovem tem 16 anos, e realmente apoio o candidato do PSOL, contrariando a própria avó.

O banner da imagem dessa reportagem foi postado em seu perfil pessoal no Facebook, com o intuito de manifestar o apoio ao candidato: “Sou neta da Cidinha e apoio o Freixo”. Ela postou na manhã desta sexta-feira (30) após ter sido citada no debate. Na legenda da postagem, segue escrito: “Finalmente, esta é uma imagem que me representa”.

A jovem não parou por aí. Ela também foi à página do PSOL Rio, nas redes sociais, e escreveu que ficou muito emocionada e contente por ter sido citada no debate que aconteceu na Globo.

Publicidade

 

A jovem adolescente com certeza se parece muito com a avó, pois não segura a língua quando o assunto é #Política. Ela tem militado fortemente contra a campanha da chapa da matriarca. O principal motivo é o candidato Pedro Paulo e seu assunto mal resolvido com a justiça. Ele é acusado pela ex-mulher de agressão física.

Em meados de julho, a neta de Cidinha escreveu em seu Facebook: “Espancador de mulher não pode ser prefeito!”. Além disso, ela ainda postou uma foto que dizia que “Pedro Paulo é um agressor de mulher”. #Rio de Janeiro #Eleições 2016