Em sua página oficial no Facebook, o ex-presidente Luiz Inácio #Lula da Silva rebateu algumas declarações dadas contra ele pelo também ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, nessa última quarta-feira (7). “Ele fala muito, e muitas bobagens”, era o destaque da mensagem enviada pelo principal nome do PT para a corrida presidencial de 2018, através de sua assessoria de imprensa. De acordo com o petista, #FHC sempre é procurado pela mídia para falar sobre ele, no entanto, praticamente nenhum jornalista o procura para falar sobre o ex-presidente tucano: “FHC costuma ser muito perguntado a falar de Lula em suas entrevistas. O contrário não acontece”, declarou a sua assessoria de imprensa nas redes sociais, com o apoio do próprio Lula.

Publicidade
Publicidade

O blogueiro Josias de Sousa, do UOL, entrevistou Fernando Henrique, ainda nessa última quarta-feira. Na entrevista, FHC fez comentários incisivos sobre o envolvimento de Lula na #Lava Jato. O tucano afirmou que dessa vez, para o petista, será difícil de ele escapar da prisão e, também, afirmou que “é difícil de decolar” a explicação feita pelo petista com relação ao tríplex do Guarujá e também sobre o sítio de Atibaia, lugares que receberam a força-tarefa da Operação Lava Jato ao indiciar o ex-presidente do PT por suspeitas de formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Fernando Henrique destacou que existe sim um risco de que Lula, dessa vez, seja preso. Lula, por outro lado, em sua rede social, explicou que documentos e as escrituras vêm a provar que o ex-presidente petista não possui nenhum desses imóveis.

Publicidade

Segundo a mensagem esse locais são “propriedade de amigos da sua família que ele nunca negou frequentar”. Porém, na própria postagem, a assessoria afirma que Lula já visitou o apartamento no Guarujá, com a suposta intenção de avaliar o local para uma possível compra.

Mais adiante na postagem, Lula afirma que existem alguns dados oficiais que provam que ele jamais passou uma noite no apartamento do Guarujá e que, inclusive, as suas propriedades oficiais não estão ali, mas sim, em São Bernardo do Campo. De acordo com Lula, essas sim, estão todas “devidamente declaradas”. Ao final do texto, o petista explica que é visível um suposto desespero dos seus adversários em derrubá-lo para que ele chegue em 2018 com o nome fraco.