O Juiz federal Sérgio Moro, ao decidir acatar a denúncia do MPF contra o ex-presidente Lula, tornou mais difícil a consumação das pretensões do petista de se candidatar nas eleições de 2018, à Presidência da República. #Lula teria dito a interlocutores, que seria muito difícil de Moro não aceitar a denúncia. Pois ele não perderia a oportunidade de prejudicá-lo e impedi-lo de se candidatar para comandar o país em 2018.

Os crimes de Lula

Lula que já era réu no STF, por obstrução da Justiça, agora se torna réu pela segunda vez, pelo caso do tríplex no Guarujá-SP. Se o ex-presidente Lula for condenado na primeira instância por Moro e também no STF, se tornará inelegível por oito anos, pela lei da ficha limpa e não poderá se eleger até 2024.

Publicidade
Publicidade

O ex-presidente ainda é suspeito de cometer outros crimes como, por exemplo, ocultar a posse do Sítio em Atibaia (SP), que não resta dúvida, é produto de recebimento de vantagens ilícitas da OAS.

Neste caso, sua esposa Marisa Letícia está envolvida, por participação nas reformas das cozinhas do sítio e do tríplex no Guarujá (SP). Também há os ganhos da empresa LILS palestras, que recebeu entre 2011 e 2014, o valor de R$ 30 milhões, o qual em sua maioria foi pago por empreiteiras com participação comprovada nos crimes investigados pela Lava Jato. 

Preocupações do PT

Na lei da ficha limpa, candidatos que tenham sido condenados por um órgão colegiado, não poderão disputar eleições ou assumir mandatos. Segundo corre à boca pequena, o #PT está muito preocupado com a falta de um plano B, para concorrer nas eleições de 2018.

Publicidade

Dizem que o ex-presidente seria sua única opção para lançar uma candidatura. A segunda opção seria Fernando Haddad, mas não está mais nos planos do partido, pelo motivo de grande rejeição à reeleição para prefeito em São Paulo.

Ações de Moro prejudiciais ao PT

De acordo com aliados de Lula, Moro poderá prejudicar inclusive candidaturas de petistas, que concorrem às eleições municipais e inclusive, ajudar a afundar mais ainda a legenda e fazer Lula desistir de viajar pelo país. A operação Lava Jato, que se desdobra para provar que o petista é o centro do esquema criminoso que assolou o país durante 13 anos agora poderá colher os frutos de seu trabalho incansável, no combate aos crimes de colarinho branco. #SérgioMoro