Na quarta-feira (19), o PT recebeu a grande notícia da prisão do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e houve grande comemoração no partido. A esperança petista é que Eduardo Cunha faça uma poderosa delação premiada e complique a vida do presidente Michel Temer e de seus ministros. 

O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) acredita que essa prisão do ex-presidente da Câmara é a forma que a #Lava Jato escolheu para se chegar a outros políticos, através da delação do ex-deputado.

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) também gravou um vídeo dizendo que a delação de Cunha será uma grande tragédia para o PMDB e não sobrará nenhum político para contar história.

Publicidade
Publicidade

O senador ainda comentou que vai ficar em cima para saber quais são os próximos passos após a prisão de Cunha.

Lado negativo

Mas nem tudo está sendo alegria para o PT, ao prender Cunha, o juiz federal Sérgio Moro poderá ter mais tempo para partir pra cima do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Petistas estão vendo esse lado negativo

A cúpula do PT comentou que a Lava Jato pode chegar em uma nova dimensão com a prisão de Eduardo. A força-tarefa pode visar o núcleo político que comandou todo o esquema de corrupção na Petrobrás. Pensando desta forma, os líderes petistas decidiram não se manifestar, não dando qualquer outra declaração sobre a prisão do deputado cassado. Nem mesmo o presidente do PT, Rui Falcão falou sobre o acontecimento.

Resposta de Moro

Alguns petistas disseram que a prisão de Cunha, seria uma resposta de Moro contra as várias investidas do ex-presidente contra o juiz.

Publicidade

Um dos fatos mais recentes ocorreu nesta terça (18). Os advogados de #Lula entraram com um protocolo jurídico, chamado "exceção de suspeição" contra o relator de um recurso de defesa dos petistas, o desembargador João Pedro Gebran Neto. 

Os advogados de Lula alegam que o desembargador é amigo de Sérgio Moro e acreditam em suspeitas de apadrinhamento entre os dois. De acordo com a defesa do ex-presidente, o juiz Moro tem desrespeitado garantias essenciais de Lula.

O medo petista só aumenta com o passar dos dias, e Lula pode ser a próxima vítima de Moro. #SérgioMoro