A Polícia Federal acaba de prender o ex-deputado federal Eduardo Cunha. De acordo com as informações dadas pelo portal de notícias online G1, a prisão de Cunha aconteceu nesta quarta-feira (19) em Brasília e deve chegar a Curitiba ainda nesta tarde.

Sérgio Moro pediu a prisão de Eduardo Cunha

#Eduardo Cunha foi um políticos mais influentes no cenário brasileiro nos últimos anos, conforme aumentava seu poder e influência, também crescia sua arrogância e a certeza de impunidade. 

Cunha chegou a presidência da Câmera dos Deputados e foi um dos principais arquitetos do impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Contudo Cunha também tem contas a prestar a justiça e por impedir a cassassão de seu mandato foi afastado do cargo de deputado federal e presidente da Câmera de Deputados Federal pelo ministro do STF - Superior Tribunal Federal, Teori Zavascki, em maio de 2016.

Publicidade
Publicidade

Depois de seu afastamento Eduardo Cunha (PMDB -RJ), começou a ser abandonado pelos seus apoiadores, Michel Temer, agora presidente do Brasil e Renan Calheiros presidente do senado federal, também peemedebistas, viram as costas para um dos seus maiores aliados.

Em setembro deste ano chegou ao fim a longa novela que se arrastou por dez meses, finalmente aconteceu a cassação do mantato de deputado federal de Cunha, que já tinha se tornado um político sozinho, abandonado e sem credibilidade. Seu mandato foi cassado em votação aberta no plenário da câmara de deputados de maneira esmagadora, foram 450 votos a favor e apenas 10 votos contra a cassação.

Deste que perdeu seu mandato Eduardo Cunha também já não contava com o foro privilegiado que tem direito aqueles que exercem cargos públicos. As investigações sobre desvio de dinheiro, corrupção e evasão de divisas ficaram aos cuidados do juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação #Lava Jato, considerada a maior investigação sobre corrupção no Brasil, pesadelo da maioria dos políticos brasileiros.

Publicidade

Eduardo Cunha que até então se achava inatingível, agora está preso e certamente deve muitas explicações a justiça. Certo é que seus ex-aliados devem colocar a barba de molho, pois o ex-deputado afirmou que se caísse não cairia sozinho. #Política