Nesse último dia 2, foram às urnas, milhares de brasileiros para escolherem, por meio do voto democrático, os prefeitos e vereadores que irão administrar suas cidades, pelos próximos quatro anos. As campanhas políticas que antecederam as votações foram bastante movimentadas, com muitas brigas, muitas apreensões e, infelizmente, até casos de homicídios. As principais denúncias em todo o Brasil foram relacionadas à propaganda irregular.

Um recente caso que circulou nas redes sociais e foi registrado por curiosos presentes no local, aconteceu na tarde do dia da votação, no domingo (2), no Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Publicidade
Publicidade

As autoridades eleitorais receberam uma denúncia de que 5 mulheres, incluindo Nara Arruda, que é filha do ex-senador e atual Secretário de Estado, Inácio Arruda, estariam distribuindo material de propaganda política, o que é proibido e cabível de punição devida à data da ocorrência.  

Ao chegarem no local, os policias militares encontraram as jovens descritas na denúncia, mas, ao tentar abordá-las, foram impedidos de revistar as bolsas das garotas onde estaria o suposto material de propaganda irregular. A intervenção e o desacato aos PMs foram provocados pelo ex-senador e atual Secretário, Inácio Arruda, e por ativistas eleitorais e alguns deputados ligados politicamente a ele, tudo foi registrado em fotos tiradas por curiosos presentes, e por vídeos gravados durante a confusão. O ex-senador e seus aliados ainda chegaram a pedir punição aos policias que atenderam a ocorrência.

Publicidade

Em meio à confusão, os vídeos mostram o Secretário várias vezes no local da abordagem dos PMs. Ele participava ativamente no impedimento do trabalho das autoridades. Um dos PMs chega a pedir calma, mas os políticos resistem e continuam a tumultuar e agravar a situação.

Nara Arruda, em uma atitude de provocação aos policias militares, levanta a saia e fica somente de #Calcinha, mostrando seu corpo aos PMs na intenção de intimidá-los. Vídeos e imagens do momento foram registrados por populares, e divulgados nas redes sociais.

Os envolvidos foram conduzidos à sede da #Polícia Federal, e um áudio gravado dentro da viatura da PM, revela graves ameaças feitas por Inácio Arruda aos policias militares, na gravação, o ex-senador aparece se valendo da condição de Secretário de Estado, e de ser integrante da equipe de confiança de #Camilo Santana, que é o atual governador.