O que diz quem critica a PEC 241?

Uma das principais críticas com relação aos opositores da PEC do teto de gastos diz respeito do por que cortar de áreas sociais e não da parcela do orçamento voltado ao pagamento de juros e dívidas com banqueiros. Outro ponto criticado é o período de vigência da proposta, 20 anos, ainda mais vindo de um governo que não passou pelo crivo popular nas urnas de suas propostas.

O que diz o Planalto?

O Governo Federal afirma que o Brasil não pode continuar gastando mais do que a sociedade pode pagar e que essa PEC é uma forma do País retomar a confiança de investidores e aumentar a geração de emprego e renda. 

Relação PEC x salário mínimo

A proposta simplesmente impede que o salário mínimo seja aumentado acima do valor da inflação - não mais somando o crescimento do PIB dos últimos 2 anos. 

Relação PEC ricos x pobres

Obviamente será o pobre que irá sofrer as consequências dessa proposta.

Publicidade
Publicidade

Com o congelamento de investimentos em áreas básica, como saúde e educação, será a classe que precisa do Sistema Único de Saúde ou das escolas públicas, por exemplo, que terão que conviver com os novos "investimentos". Sem contar, claro, como já explicado, na mudança do cálculo do salário minimo. #pec 241 #Michel Temer #Dentro da política