É comum ver políticos, militantes, internautas e parte da imprensa falando mal de #Eduardo Bolsonaro, de seu pai Jair ou de seus irmãos, Carlos e Flavio. Entretanto, o que muita gente não sabe é que nem tudo que é dito ou divulgado, condiz com a verdade. Os políticos da família Bolsonaro procuram manter transparência em suas vidas políticas, divulgando em suas redes sociais, a verdade por trás dos boatos.

Nessa quarta-feira, 9, o deputado Eduardo Bolsonaro, teve a oportunidade de falar por três minutos na tribuna da Câmara. Ato rotineiro na Câmara, entretanto, o parlamentar citou que estava surpreso com um fato que aconteceu com ele.

Publicidade
Publicidade

Em 2015, através de emendas ao orçamento, o deputado destinou R$ 500 mil para o Hospital da Mulher de Campinas, entretanto, recebeu uma carta de repúdio de professores da Faculdade de Ciências Médicas da UNICAMP (Universidade de Campinas). Na nota, os professores acusam o deputado de ser misógino, machista, entre outros termos.

O que deixou o deputado indignado, não foi a forma agressiva com que os médicos que lecionam na faculdade se referiram a ele, até porque o parlamentar está acostumado a ter embates calorosos na Câmara e sempre ouve os mesmos argumentos de seus adversários, mas Eduardo ficou surpreso com o fato de médicos estarem colocando suas ideologias políticas acima da saúde de mulheres que dependem do atendimento. Por serem professores da universidade pública, UNICAMP, também fica subentendido que passam a mesma visão de ideologia política para os alunos.

Publicidade

Em ‘represália’ a forma lamentável com que os profissionais agiram com o parlamentar, Eduardo decidiu destinar R$ 800 mil para o Hospital das Mulheres da UNICAMP, a fim de mostrar que seu trabalho está acima de ideologias de direita ou esquerda. O deputado salientou que não pauta o seu trabalho em ‘mesquinharias’.

Eduardo encerrou seu discurso dizendo que os médicos que o repudiaram vão ter que ‘engolir’ mais R$ 800 mil, pois se depender dele, mulher não vai ‘passar à mingua’ em fila de hospital. Sua fala foi transmitida pela TV Câmara e no dia seguinte, o próprio deputado divulgou um vídeo de seu discurso pelo Facebook. A atitude do parlamentar foi elogiada pelos seus seguidores e amplamente divulgada em grupos e páginas diversas da internet.

Assista ao vídeo desse momento:

#PSC #Câmara dos Deputados