O ex-ministro da Cultura, Gilberto Gil, também seria um dos privilegiados via #Lei Rouanet, assim como outros #artistas que estão sendo apontados por utilizar dinheiro público para benefícios privados. O ex-ministro do governo de Lula e Dilma teria pego R$ 800 mil para realizar uma festa privada patrocinada pela empresa "Nextel", o evento teria sido fechado apenas para pessoas específicas.

Na CPI da Lei Rouanet, na Câmara dos Deputados, o parlamentar Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), ficou impressionado com a situação, ele explicou que já que o ex-ministro Gil teria o conhecimento pleno da Lei, ele ainda assim a burlou, enfatizando que esse é um erro absurdamente grave.

Publicidade
Publicidade

Quem também se envolveu erroneamente com a Lei, foi o ator Zé de Abreu que ficou conhecido como "Zé do Cuspe", o ator teria pego dinheiro sem prestar contas, agora ele terá que devolver a quantia de R$ 299 mil. Um requerimento foi entregue enfatizando a participação de Gilberto Gil na comissão do inquérito que visa investigar os artistas beneficiados ilicitamente pela lei.

Mais sobre a Lei Rouanet

Em julho desde ano, Gilberto Gil notificou sites que estariam o acusando de se beneficiar da Rouanet, esses sites afirmavam que Gil teria bancado o casamento da filha, Preta Gil, com o dinheiro roubado dos cofres públicos. O caso foi para a Justiça, e pai e filha ganharam uma indenização dos sites no valor de R$ 200 mil. Páginas também questionavam que Gilberto Gil foi contra a extinção da Ministério da Cultura porque ele estaria entre os artistas que se utilizam da Rouanet.

Publicidade

Em outubro, a CPI da Câmara já tinha definido alguns dos artistas que pretendem investigar, entre eles estão, Zé de Abreu, Gilberto Gil, a produção infantil Peppa Pig e Shrek, o MC Guimé, Luan Santana e a cantora Cláudia Leitte.

Claúdia Leitte foi noticiada no mês passado para devolver o valor de R$ 1,2 milhões aos cofres públicos, ela teria conseguido o dinheiro via Lei Rouanet, mas não prestou as contas como deveria. A repercussão negativa fez com que Cláudia desistisse de pegar um dinheiro via lei, para a publicação de um livro #Corrupção