O juiz federal Sérgio Moro, é titular da décima terceira Vara Criminal da Justiça Federal de Curitiba, no estado do Paraná. Ele é o responsável por todos os processos da Operação Lava-Jato, em primeira instância. A Lava-Jato, é uma das maiores, senão, a maior operação de combate à #Corrupção no Brasil e apura bilhões de reais desviados dos cofres públicos da Petrobras; a maior estatal brasileira. Aos 44 anos de idade, ele resolveu conceder sua primeira entrevista, desde que foi deflagrada a Operação Lava-Jato, em março de 2014. Na manhã da última quinta-feira, ele recebeu uma equipe do jornal O Estado de São Paulo e falou sobre diversos temas.

Publicidade
Publicidade

Moro afirmou que devem ser discutidas pela sociedade civil e autoridades públicas, as abrangências que se inserem sobre o foro privilegiado. Segundo o magistrado, uma forma de se restringir este dispositivo, é que o foro privilegiado, poderia atender somente a presidentes dos três poderes da República, como o Executivo, Legislativo e Judiciário. Atualmente, observa-se que há aproximadamente, vinte e dois mil cargos que possuem foro privilegiado no Brasil. Essa lista de cargos em que seus ocupantes têm prerrogativa de foro, atende desde o presidente da República, ministros de Estado, senadores, deputados, membros do Poder Judiciário, do Ministério Público e do Tribunal de Contas da União. Moro indaga se o Supremo Tribunal Federal teria condições de enfrentar uma grande variedade de casos, "o Supremo não tem somente este caso à frente, mas há todos os casos constitucionais de grande relevância e a corte não pode se transformar em uma uma corte criminal", ressaltou o magistrado.

Publicidade

Candidatura a cargo eletivo

O juiz Sérgio Moro opinou sobre a intenção ou não se de se candidatar à política e em disputar uma eleição. Moro foi enfático em afirmar que não será candidato a cargos eletivos: "não existe jamais esse risco", afirmou, de modo contundente o juiz paranaense. Sérgio Moro ressaltou ainda sobre sua situação como juiz; "sou um juiz, estou em outra realidade, tenho outro perfil", declarou.

#SérgioMoro #Lava Jato