Desde o dia 12 de maio, data do afastamento preventivo de Dilma Rousseff pelo processo de impeachment, #Michel Temer ocupa a mais importante cadeira do país. Nesse sábado, 12, ele completou seis meses na presidência e sua equipe lançou uma série de ações de governo a serem celebradas nesse período.

Dentre elas, a política externa é tida como uma das molas propulsoras do trabalho do novo governo. O Planalto comemorou a retomada da parceria com países considerados estratégicos como Estados Unidos, Japão, Argentina, Índia e Rússia.

No Portal do Planalto, uma publicação relembra o fato de Temer "ter tido encontros significativos com representantes dos Estados Unidos, Japão e China.

Publicidade
Publicidade

O texto também fala da recuperação das relações comerciais com a Argentina, "um dos principais compradores dos produtos brasileiros".

Além disso, o governo também elenca o aumento do acesso a produtos brasileiros no Japão e na Rússia; a retomada das negociações entre Mercosul e União Europeia; a parceria estratégica e tecnológica com a Suécia; o acordo com os EUA para venda de carne bovina in natura; além da busca por medidas que visem desburocratizar a exportação de produtos brasileiros. #Brasil