O polêmico senador Romero Jucá (#PMDB-RR) foi oficializado pelo Diário Oficial da União nesta quinta-feira (17) como líder do governo no Congresso Nacional. Jucá é atualmente o presidente do PMDB Nacional. Ele irá substituir a senadora Rose de Freitas (PMDB-ES) como porta voz do governo Temer no Congresso.

Romero Jucá já foi envolvido em diversas polêmicas, sendo uma das principais quando foi divulgada uma conversa telefônica sua com o tucano Sérgio Machado em que o peemedebista afirma que é necessário um "pacto nacional" para "estancar" a Lava Jato. Jucá ainda fala que era preciso tirar Dilma da presidência e colocar "Michel".

Publicidade
Publicidade

Para completar a conversa, o senador ainda disse que Temer e Renan Calheiros não se dão bem porque "Michel é Eduardo (Cunha)".

Romero Jucá foi um dos principais articuladores do impeachment da presidente Dilma Rousseff. No mesmo período, ele foi nomeado presidente nacional do PMDB, quando #Michel Temer abriu mão do cargo e preferiu se afastar, deixando as articulações todas por conta de Jucá. #Dentro da política