O empresário brasileiro Flávio Augusto da Silva, dono da escola de inglês Wise Up, do time de futebol Orlando City, da #Geração de Valor e da escola de empreendedorismo Meu Sucesso, postou na página da GV, que tem mais de três milhões de seguidores, um elogio ao prefeito da cidade de São Paulo, João Doria (PSDB).

O texto, cujo título é “Será que encontramos o que procurávamos” foi postado neste sábado e teve grande repercussão. Em 12 horas no ar, havia alcançado 10 mil curtidas, quase mil comentários e mais de dois mil compartilhamentos.

Em determinado momento, o empresário radicado nos Estados Unidos, onde comanda a equipe de futebol Orlando City, diz que Doria é raro e que “o Brasil precisa de joias raras como esta”.

Publicidade
Publicidade

Elogios

Logo no começo do texto, Flávio já deixa claro qual o motivo do elogio. “Nos últimos dias, desde sua posse, o prefeito de SP, João Doria, tem apresentado uma agenda de trabalho das 8h da manhã até às 10h da noite. Ele lidera pessoalmente as ações que planejou para a cidade, colocando a mão na massa, imprimindo um ritmo de trabalho forte e com metas bem definidas”, disse.

Nestes primeiros dias de mandato, Doria tem trabalhado tudo e visitado vários equipamentos da cidade de São Paulo. Ele já varreu ruas vestido de gari, visitou hospitais e foi de surpresa a alguns locais ver como os servidores municipais estão trabalhando.

“Por outro lado, os seus críticos políticos, falam aos quatro cantos, e de fato acreditam mesmo no que dizem, que tudo isso não passa de marketing. Em outras palavras, segundo eles pensam, ele está trabalhando muito apenas para aparecer.

Publicidade

‘Não é possível que um prefeito trabalhasse tanto assim que não fosse por um objetivo de aparecer. Só pode ser’", criticou Flávio Augusto.

Segundo ele, os críticos não acostumados com a rotina de Doria porque o ritmo da máquina pública é lento. Em seguida, o empresário defende o prefeito da cidade de São Paulo.

“Acham que o Doria, por ser um empresário milionário, é um playboy almofadinha que não pega no pesado. O que essas pessoas não têm a menor ideia é que um empresário, para alcançar o sucesso que Doria alcançou, tem que trabalhar mais de 15 horas por dia por muitos anos”, diz o dono da rede de escola de inglês Wise Up, uma das conceituadas do país.

“Não conversei com Doria depois que foi eleito. No entanto, eu me atrevo a dizer que ele decidiu dedicar o restante de sua vida a produzir algo relevante para o seu país. Quer e se sente vocacionado a servir o bem comum. Pouquíssimos em sua posição fariam essa escolha. Doria é raro. O Brasil precisa de joias raras como esta”, declara, rasgando elogios ao prefeito da maior cidade do país.

#João Dória #Política