O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSC - RJ), filho de do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), postou uma foto com suas filhas no neste sábado (21) e recebeu críticas, uma delas perguntando se as meninas receberiam salário menos que homens, como supostamente seu pai prega. Flávio respondeu com deboche e foi apoiado por seguidores. A postagem pode ser vista abaixo:

Entendendo o caso

O comentário se referia ao boato de que Jair #bolsonaro defendia abertamente que mulheres deveriam receber um salário menor do que o dos homens porque engravidam. O boato se espalhou em 2016 e até hoje é pauta de discussão nos programas em que o deputado federal participa.

Publicidade
Publicidade

Segundo o próprio Bolsonaro, a informação original foi distorcida por um jornal que colocou uma entrevista dada ao jornal Zero Hora fora de contexto. Na entrevista, o deputado federal explicava porque muitos empresários optavam por pagar valores diferentes para homens e mulheres, falou sobre como encargos trabalhistas atrapalhavam a vida do trabalhador e também do empresário.

A explicação foi dada em um programa da Rede TV. Assista ao vídeo abaixo:

Ainda indagado sobre sua própria opinião sobre o caso, Jair Bolsonaro deixa claro que não vê qualquer lógica em pagar menos para mulher por ser mulher e mais para o homem apenas por ser homem, mas sim utilizando o critério da competência e que esse critério é devidamente respeitado no âmbito público, através de concursos.

No entanto, o deputado também deixa claro que, para ele, essa é uma questão que não deveria ser resolvida por lei, pois acredita que deve haver liberdade na relação entre funcionário e empresário.

Publicidade

Ele defender que o patrão deve ser livre para escolher ofertar o que bem entender e o funcionário ter a opção de aceitar a proposta ou não, fazendo com que a negociação se torne menos burocrática e mais parecida com os modelos que facilitam o acesso ao emprego já conhecidos em outros países.

Segundo o parlamentar, a tentativa de querer impor um salário igual para determinadas funções através da legislação é um passo rumo ao socialismo e ao comunismo. #Flávio Bolsonaro #Família Bolsonaro