Um dos assuntos mais comentados neste final de semana foi o de uma criança que teve como tema da festa de aniversário o deputado federal e candidato à Presidência do Brasil em 2018 Jair Bolsonaro (PSC).

A postagem da foto em que aparece uma criança e sua possível mãe cercadas por bexigas, bolos e um banner de Bolsonaro como Super-Homem foi feita pelo deputado estadual Flavio Bolsonaro (PSC-RJ), filho de Jair, na última quinta-feira (19). Rapidamente, a imagem viralizou e rendeu muitos comentários neste final de semana.

Comentários

Até o momento, a postagem recebeu 40 mil curtidas, 25 mil compartilhamentos e quase 16 mil comentários.

Publicidade
Publicidade

Entre eles, há criticas e elogios. “Coisa mais estúpida hoje em dia é enaltecer político como se fosse um super-herói, coisa de gente babaca. Fazer bolo com cara de político chega a ser nojento, estraga o bolo”, comentou um internauta.

“Concordo com Monique Machado, admire, seja fã, seja lá o que for. Daí fazer festa de aniversário de alguém da família já é fanatismo e isso é doença. Sou petista, lulista, dilmista, mas nunca farei essa homenagem. Vão procurar um psiquiatra”, pediu outra usuária, que se assumiu petista.

“Tão pequena e já não tem mais infância, não é? Pra quê fazer uma #Festa Infantil com tema infantil, vamos fazer fama em rede social”, criticou outro internauta.

Alguns internautas se solidarizam com a criança. “Já sei meu tema de aniversário esse ano. Que lindas. Parabéns Bolsonaro Jr., você é o cara”, elogiou uma seguidora de Flavio Bolsonaro.

Publicidade

“Mitando desde pequena”, disse outro. “Sensacional! Melhor festa”, elogiou mais um.

Alguns aproveitaram a situação para falar sobre política. “Melhor do que votar no Lula, na Dilma, no Temer, no Jean Willys, Maria do Rosário, que nem vocês votaram seus canalhas. É Bolsonaro 2018 para melhorar esse país que está um lixo graças a vocês, sim”, afirmou um seguidor da família Bolsonaro.

A menina e a mãe que aparecem na foto ainda não foram localizadas. Embora a imagem das duas já tenha sido vista por milhares de pessoas, ambas continuam anônimas.

#Jair Bolsonaro