O deputado Jair Bolsonaro, pré-candidato ao cargo de presidente da República, fez, recentemente, uma declaração considerada polêmica. Destaca-se que o político, no período em que participou da controvérsia, encontrava-se em Campina Grande, tendo sido recepcionado por muitos admiradores no momento em que saía do Aeroporto João Suassuna.

Ele realizou um discurso animador para algumas centenas de correligionários, além de ter sido muito aplaudido. Como membro e integrante do Partido Social Cristão, explicou os motivos por não apoiar e nem considerar boa a existência do Estado laico.

É fato notório que grupos esquerdistas apoiam veemente a existência do Estado laico, todavia, grupos mais conservadores apoiam que exista um Estado cristão, nesse sentido, o deputado demonstrou apoiar ideias cristãs em detrimento de pensamentos progressistas.

Publicidade
Publicidade

Conforme afirma: Deus acima de tudo. Não tem essa historinha de Estado laico não. O Estado é cristão e a minoria que for contra, que se mude. As minorias têm que se curvar para as maiorias”.

A mídia não concordou com as declarações transmitidas pelo deputado, haja vista que criticou o posicionamento defendido pelo parlamentar, além de afirmar que o ato foi intolerável.

As declarações transmitidas são em favor de pautas mais cristãs no âmbito político, assim, trouxeram uma boa repercussão perante quem estava no evento, sendo o fato comprovado por meio de aplausos. Destarte, em outro momento, Jair foi para o calçadão da Cardoso Vieira, local em que ocorreu um novo pronunciamento.

Estado laico x Estado cristão

Estado laico representa um país ou nação que apresenta um posicionamento neutro com relação ao campo religioso.

Publicidade

Também chamado de Estado secular, apresenta como característica principal a imparcialidade no que refere-se a questões religiosas, na medida em que não se declara participante de nenhuma religião.

Todavia, o Estado cristão apresenta conceito diferente, uma vez que representa um país ou nação que retrata uma religião, sendo reconhecido por manifestar caráter religioso. Além disso, todas as decisões do território são firmadas com base nos padrões religiosos que obedece. #bolsonaro #Política