Em meio a confusão por conta da falta de policiais nas ruas das cidades do Espírito Santo, uma ex-candidata a #Vereadora foi flagrada roubando em um estabelecimento no comercio da cidade de Cachoeiro de Itapemirim. Marcela Ranocchia foi uma das candidatas nas eleições municipais de 2016, e fotos dela participando de saque ao estabelecimento comercial foram divulgadas nas redes sociais.

As fotos mostram a ex-candidata, filiada ao #PSDB, saindo de uma loja que foi saqueada em Cachoeiro de Itapemirim, o quinto município mais populoso do Espírito Santo. Nas imagens, Marcela aparece com duas sacolas cheias de produtos, enquanto sai da loja.

Publicidade
Publicidade

O presidente do PSDB no município, Cícero Moura, informou que o partido está tentando contato com Marcela desde que recebeu informações sobre as imagens. No entanto, ela ainda não foi localizada. Caso seja provado que ela estava roubando, o PSDB pode até expulsá-la do partido.

O Diretório do PSDB em Cachoeiro divulgou nota de repúdio ao crime praticado pela filiada tucana. Até o momento, Marcela Ranocchia não deu declarações sobre as fotos divulgadas, nem advogados se manifestaram para sua defesa.

Onda de violência

Por conta da falta de policiamento, o Estado do Espírito Santo vem sofrendo com uma onda de ataques por parte de bandidos, que armados, fazem assaltos em plena luz do dia e cometem todos os tipos de crimes. Mais de 70 pessoas já foram mortas no Estado no mês de fevereiro até esta quarta-feira (8), e o IML (Instituto Médico Legal) de algumas localidades não atende mais por não ter espaço para os corpos.

Publicidade

A paralisação dos policiais, iniciada no último sábado (4), fez com que um caos fosse estabelecido no Estado. Os PMs, que estão há três sem aumento, reivindicam reajuste salarial. Os moradores das cidades se encontram presos em suas casas por conta dos bandidos que andam pelas ruas sem nenhum temor de ser presos. O Exército já foi acionado e começou atuar no Estado do Espírito Santo, trazendo assim mais tranquilidade, para a população, que já clama pela volta dos policiais militares. #Espirito Santo