Nesta última terça (31), dona Marisa Letícia, mulher do ex-presidente Luiz Inácio #Lula da Silva, chegou a ter uma pequena melhora, o que causou grande entusiasmo no ex-presidente. Confiante numa possível recuperação e melhoras significativas, os médicos do hospital Sírio-Libanês, juntamente com o médico da família de Lula, Roberto kalil, decidiram tirar a sedação dela, para ver se ela reagiria bem. A melhora dela, causou uma grande emoção em Lula que falou: "Graças a Deus".

O médico Roberto Kalil resolveu retrucar o petista e disse: "Graças a mim e ao João de Deus". João de Deus é um médium famoso de Goiás que veio especialmente tentar a cura de dona Marisa.

Publicidade
Publicidade

Ele havia rezado no domingo e Lula participou de seu ritual em prol da cura de sua esposa.

As palavras ditas por Kalil podem causar raiva, principalmente nas pessoas religiosas. A impressão que se tem é que ele ignorou as forças de Deus na recuperação dela. Pode ser também que falou tudo sem pensar e se expressou mal. Diante da fala do médico, Lula não comentou nada, talvez achou melhor ignorar ou nem percebeu a profundidade das palavras de Kalil.

Doação de órgãos

Lula acompanhou todos os procedimentos na luta para tentar salvar dona Marisa e agradeceu todo o apoio recebido e as orações feitas. Nesta quinta-feira (02), o novo boletim médico divulgado informava que ela estava sem fluxo cerebral. A família inclusive já autorizou a doação dos órgãos de Marisa. Foram 10 dias de internação. Ela tinha 66 anos.

Publicidade

Lava Jato

Dona Marisa era ré em ação penal da Operação #Lava Jato, juntamente com Lula. De acordo com informações do Ministério Público, eles receberam propina da Odebrecht em contratos fraudulentos. Eles são acusados de lavagem de dinheiro e corrupção passiva.

Segundo o Ministério, o dinheiro irregular recebido por Lula foi usado para comprar um terreno, onde mais tarde seria construído o Instituto Lula e um apartamento em frente ao que Lula mora, em São Bernardo do Campo.

A defesa de Lula nega qualquer irregularidade e que Lula nunca foi proprietário do terreno em questão. #Morte