Há quem diga que Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), seja o representante dos interesses do PSDB dentro da Suprema Corte do Judiciário brasileiro. Agora, com a indicação de Alexandre de Moraes para compor o quadro do STF, os tucanos podem ter um representante "oficial" do partido. Moraes é filiado ao PSDB e ganhou destaque no governo de Geraldo Alckmin como homem forte da pasta de Segurança do tucano em São Paulo.

Antes de assumir a chefia do Ministério da Justiça do governo Temer, Moraes era o secretário de Estado da Segurança Pública de São Paulo. Foi ele quem comandou a Polícia Militar durante a ocupação das escolas por parte dos estudantes da rede pública do estado e os protestos contra e a favor ao impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Publicidade
Publicidade

Os tucanos podem ter ganho um representante oficial, mas é Geraldo Alckmin quem mais pode se beneficiar. Moraes já declarou ser amigo pessoal do governador de São Paulo. Com uma disputa tão acirrada dentro do PSDB para saber quem vai representar o partido na eleição presidencial de 2018, ter um ministro do STF como cabo eleitoral pode ser decisivo. #Dentro da política